Eucalipto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1725 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Efeito da idade larval de Diatraea saccharalis sobre o parasitismo de Cotesia flavipes

Introdução

Como conseqüência ao aumento na demanda por açúcar e álcool (aumento na exportação desses itens) desencadeou o aumento na área de produção de cana-de-açúcar no Brasil. Com quanto São Paulo contribui na produção nacional e quanto aumentou a área de cana de 2000 pra 2007 no Brasil e em SP.

Por sercultivada em áreas extensas de monocultivo, a cana-de-açúcar é muito atacados por pragas, sendo que uma das principais é a broca-da-cana Diatraea saccharalis. O ataque desta praga pode acarretar perdas consideráveis na produtividade de cana, destacando-se os danos diretos que são caracterizados pela morte da gema apical conhecido como “coração morto”, além do dano indireto causado pela infecçãodos fungos Colletotrichum falcatum e Fusarium moniliforme agentes causais da podridão vermelha e a podridão-de-fusarium que competem com as leveduras durante a fermetação, reduzindo a produção de açúcar e álcool.

Está praga pode causar danos consideráveis, por se alimentar-se na fase instares da nervura central e fazendo pequenas galerias nas bainhas das folhas, caminhando em direção ao colmoQual é nível de controle para Diatraea e Podridão vermelha – e seu respectivo dano??? Qual é o habito alimentar da praga e porque os inseticidas não são utilizados/eficientes??




A forma mais utilizada para o controle da broca-da-cana Diatraea saccharalis vem sendo o controle biológico através liberação da vespinha Cotesia flavipesque deve ser liberada quando o índice de infestação atingir 1%.
Considerando...
tracking img