Eterno retorno e tripla metamorfose de nietzsche

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (738 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O conceito de Eterno Retorno, de Nietzsche, afirma que o ser humano esta sempre preso a um número limitado de fatos complementares de uma realidade. Bem, mal, prazer, dor, tristeza, mostraram-sepresentes na vida humana desde os mais remotos tempos. Quando comparamos os desafios morais e dificuldades de diferentes personagens podemos notar claramente a semelhança nos dilemas e conquistas. Sepegarmos, por exemplo, os 12 trabalhos de Hércules e Star Wars, as semelhanças entre o que foi vivido pelos heróis Hércules e Luke Skywalker são enormes. O domínio do Leão de Hércules remete a buscainterna de Luke para controlar seus impulsos primitivos, assim como O javali de Erimanto e a Hydra de Lerma dos 12 trabalhos de Hércules representam o aprendizado dos limites e o governo dos vícios queLuke aprendeu com seu mestre Jedi, na saga. Dorian Grey, de Oscar Wilde, enfrenta os mesmos dilemas na busca por cessar seus vícios e controlar seus instinos primitivos/auto-destrutivos. Os artistas,inerentes à época, sofrem as mesmas dificuldades que os personagens a exemplo acima. A caçada as bruxas na idade média, o iluminismo, a luta religiosa pela repressão de Eros são um exemplo de como oeterno retorno afeta, não só indivíduos, mas grupos de pessoas. As épocas são deveras diferentes, o que se repete são os fatos complementares de uma realidade irrevogável. Encontramos um questionamentoem A Gaia Ciência com relação ao eterno retorno:
“ ‘Quero isto ainda uma vez e inúmeras vezes?’Pesaria como o mais pesado dos pesos sobre o teu agir. Ou, então como terias de ficar bem contigo e mesmocom a vida, para não desejar nada mais do que esta ultima, eterna confinação e chancela?”
Para aceitar o eterno retorno o homem deve evitar o homem mesquinho e buscar o super-homem.
As pessoasmesquinhas são viciadas no conforto, evitam a dor e assim distanciam-se do “super-homem”. Para Nietzsche, só os extremos da dor e do sofrimento levam à melhor felicidade que pode haver. Este homem que...
tracking img