Esvita agape

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 34 (8276 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Revista Àgape________
Meditação___
Noticias________

O Presente de Deus
“Há algo que me preocupa”, uma mulher me disse certa vez. “Eu sei que estou mais perto do fim da minha vida do que do começo, e às vezes eu acordo durante a noite e me pergunto, Se eu morrer, estarei salva?”Você já pediu a Jesus para perdoar seus pecados? “Eu perguntei.“Sim, claro”, disse ela. “Você confia que Jesus é o seu Salvador?” “Eu O tenho convidado para ser meuSalvador em todas minhas orações desde que eu era uma criança.” “Então por que você está na dúvida?” Eu perguntei. “Porque eu sei que não sou perfeita”, disse ela. “Depois de uma vida toda sendo uma cristã, eu ainda tenho pensamentos dos quais eu não me orgulho, e há muitas coisas boas que eu deveriafazer, mas não as faço. Somente penso que não sou perfeita o suficiente para ser aceita no Céu.”
Eu sabia que esta mulher era uma esposa e mãe dedicada, ativa na igreja, e gentil com todos. Mas isto não era sobre a sua bondade ou suas falhas. Ela estava angustiada sob um mal-entendido a respeito da salvação. Ela pensava que a salvação era algo que ela tinha que merecer.Muitas vezes temosassumido que a salvação é nossa realização. É fácil ver por que pensamos isto. Em nossa vida cotidiana, nós geralmente recebemos pelo que temos trabalhado. Permaneça longas horas no trabalho, e é provável que você obtenha um aumento de salário. Pratique o violoncelo várias horas por dia, e você se tornará proficiente. Passe anos na escola com o seu nariz enterrado nos livros, passe em todos os testes, evocê ganhará um diploma.Além disso, a Bíblia está repleta de coisas boas que os cristãos devem fazer. Assim, é compreensível que pensemos que Deus opera pelas mesmas regras que mantemos em nossa vida cotidiana, que quanto mais perfeitamente fizermos o que Ele nos pede, maior a probabilidade dEle nos conceder a salvação.
Mas a economia da salvação não funciona como a economia desta terra. Paulodisse que “todos pecaram e carecem da glória de Deus” (Romanos 3:23). Merecemos a salvação? Absolutamente não! Nós merecemos exatamente o oposto: “Porque o salário do pecado é a morte” (Romanos 6:23). Ninguém pode ser bom o suficiente para exigir a salvação. Mas isso não importa, porque Deus a está oferecendo a nós de qualquer maneira, de graça! Paulo também disse: “Porque pela graça sois salvosmediante a fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus” (Efésios 2:8). E para que ninguém duvide que Paulo realmente quis dizer que nossas boas ações não garantem a vida eterna, ele acrescentou que a salvação “… é dom de Deus não das obras, para que ninguém se glorie” (Efésios 2:8-9).
Suponha que eu estivesse me gabando, “Meu amigo me deu esse presente de aniversário, porque eu tenho dado a ele tantos,que ele teve que fazer o mesmo. Você teria corretamente concluído que eu não entendo o conceito de amizade muito bem.Nos dias de Jesus, haviam pessoas que agiram dessa maneira em relação à Deus. Elas se vangloriavam de que tinham feito tudo o que liam na Bíblia para alcançarem a perfeição absoluta, e que Deus não tinha outra escolha, além de salvá-las! Esqueceram-se de que Deus não está sobnenhuma obrigação de qualquer ser humano, já que no fim, não importa quão perfeitamente tenhamos vivido, a morte nos derrotará. E somente Deus tem o poder de trazer pessoas mortas de volta à vida.Então só há uma maneira de receber a salvação: aceitá-la como um presente. Se você insistir em pagar por ela, você não pode obtê-la.
Ser Bom
“Mas certamente”, você dirá: “Deus quer que sejamos pessoas...
tracking img