Estudos linguisticos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (500 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Estudos Linguisticos
1. Demonstre como as palavras onomatopaicas são casos de fronteira no quadro da teoria da arbitrariedade do signo linguístico.
* Comece por definir o conceito dearbitrariedade em causa.
* Depois, aplique-o a uma palavra não-onomatopaica do português.
* Em seguida, faça o mesmo com uma palavra onomatopaica, sublinhando as diferenças encontradas.
R. Oconjunto formado pelo significante e pelo significado, designa-se por signo linguístico. O significado e o significante são inseparáveis, ou seja, o primeiro é uma concepção que o sujeito falante temguardado na sua memória, o segundo, é a face manifesta do signo linguístico, e que é manifestado tanto na oralidade, através da produção dos sons, como na escrita, através das letras.
Por exemplo, osignificado da palavra luva, esta é uma representação mental, ou seja, é algo que está assimilado na nossa memória e que nos transmite que é uma peça de vestuário onde colocamos a mão. Existe umarelação de analogia entre o conceito e aquilo que ele representa.
Já a relação entre o som e as palavras (significante), e o significado a que se associa, é considerada arbitrária, porque não existequalquer tipo de analogia entre ambos. No caso da palavra luva, em inglês glove, ou em françês gant, existe uma arbitrariedade porque não há uma relação inata entre a realidade fonética (significante) e oconceito (significado).
No caso de uma palavra não-onomatopaica, como mesa, ela constitui um signo e é considerada arbitrária, porque não há nenhuma ligação de analogia entre o som e o objecto que aprópria palavra indica.
As palavras onomatopaicas são palavras que se formaram a partir das onomatopeias, especialmente sob a forma de verbos e nomes. Por exemplo a palavra espirro é uma palavraonomatopaica porque existe uma relação de semelhança entre o som produzido (atchim) e a sua designação, que, em português, é usada para o mencionar.
2. Demonstre, a partir de exemplos do português,...
tracking img