Estudo e bom demais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1534 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Colégio Cem Antônio Póvoa

FILOSOFIA

Diánopolis-TO
Fevereiro 2011
Colégio Cem Antônio Póvoa

MÉTODO CIENTÍFICO

Diánopolis-TO
Fevereiro 2011

Introdução

A seguir estaremos falando sobre Método Científico.
Boa leitura.

Desenvolvimento

Método científico

O método científico é um conjunto de regras básicas para desenvolver uma experiência a fim de produzir novoconhecimento, bem como corrigir e integrar conhecimentos pré-existentes. Na maioria das disciplinas científicas consiste em juntar evidências observáveis, empíricas (ou seja, baseadas apenas na experiência) e mensuráveis e as analisar com o uso da lógica. Para muitos autores o método científico nada mais é do que a lógica aplicada à ciência.
Metodologia científica literalmente refere-se aoestudo dos métodos e, especialmente, do método da ciência, que se supõe universal. Embora procedimentos variem de uma área da ciência para outra (as disciplinas científicas), diferenciadas por seus distintos objetos de estudo, consegue-se determinar certos elementos que diferenciam o método científico de outros métodos (filosófico, algoritmo – matemático, etc.).
A metodologia científica temsua origem no pensamento de Descartes, que foi posteriormente desenvolvimento empiricamente pelo físico inglês Isaac Newton. Descartes propôs chegar à verdade através da dúvida sistemática e da decomposição do problema em pequenas partes, características que definiram a base da pesquisa científica.
O Círculo de Viena acrescentou a esses princípios a necessidade de verificação e o métodoindutivo.
Karl Popper demonstrou que nem a verificação nem a indução serviam ao método científico, pois o cientista deve trabalhar com o falseamento, ou seja, deve fazer uma hipótese e testar suas hipóteses procurando não provas de que ela está certa, mas provas de que ela está errada. Se a hipótese não resistir ao teste, diz-se que ela foi falseada. Caso não, diz-se que foi corroborada.Popper provou também que a ciência é um conhecimento provisório, que funciona através de sucessivos falseamentos.
Thomas Kuhn percebeu que os paradigmas são elementos essenciais do método científico, sendo os momentos de mudança de paradigmas chamados de revoluções científicas.
Mais recentemente a metodologia científica tem sido abalada pela crítica ao pensamento cartesiano elaboradapelo filósofo francês Edgar Morin. Morin propõe, no lugar da divisão do objeto de pesquisa em partes, uma visão sistêmica, do todo. Esse novo paradigma é chamado de Teoria da complexidade (complexidade entendida como abraçar o todo).

Elementos do método científico

[pic]
[pic]
Estátua de Charles Darwin em Londres
"Ciência é muito mais uma maneira de pensar do que um corpo de conhecimentos." -Carl Sagan
"...ciência consiste em agrupar factos para que leis gerais ou conclusões possam ser tiradas deles." - Charles Darwin
O método científico é composto dos seguintes elementos:
• Caracterização - Quantificações, observações e medidas.
• Hipóteses - Explicações hipotéticas das observações e medidas.
• Previsões - Deduções lógicas das hipóteses.
• Experimentos - Testesdos três elementos acima.
O método científico consiste dos seguintes aspectos:
• Observação - Uma observação pode ser simples, isto é, feita a olho nu, ou pode exigir a utilização de instrumentos apropriados.
• Descrição - O experimento precisa ser replicável (capaz de ser reproduzido).
• Previsão - As hipóteses precisam ser válidas para observações feitas no passado, no presentee no futuro.
• Controle - Para maior segurança nas conclusões, toda experiência deve ser controlada. Experiência controlada é aquela que é realizada com técnicas que permitem descartar as variáveis passíveis de mascarar o resultado.
• Falseabilidade[1] - toda hipótese tem que ser falseável ou refutável. Isso não quer dizer que o experimento seja falso; mas sim que ele pode ser...
tracking img