Estudo de casos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (502 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Professor: Cláudio Teodoro Medes. Data: / / .
Acadêmico: Sala 4318
Obs. O referidoexercício é destinado aos acadêmicos do 1º período de Administração – Sala 4318. As questões deverão ser respondidas individualmente e enviado até o dia 07/08/2009 para o e-mail – claudiomedes@terra.com.br;com o Título “Material de Apoio – Sala 4318”. Observe o número de linhas em cada alternativa.
ESTUDO DE CASO

Microsoft Corporation

Em 1978, Bill Gates e Paul Allen lançaram a Microsoftque, de pequeno negócio, acabou se transformando numa empresa gigantesca que ultrapassou rapidamente o valor da IBM. Os 30% de ações que Bill Gates possui foram avaliados em mais de 70 bilhões dedólares. O crescimento fenomenal da Microsoft está diretamente relacionado com a dedicação de Gates à inovação e ao trabalho pesado.
Bill Gates tem fama de ser um patrão exigente, que incentiva acriatividade e reconhece as realizações dos seus funcionários. Ele exige que eles sejam muito bem informados, tenham raciocínio lógico, saibam se expressar e tenham ótimos cérebros. Os funcionáriosfrequentemente passam muitas horas interagindo em equipes. As equipes que desenvolvem e comercializam programas de linguagem precisam apresentar suas idéias nas chamadas “reuniões do Bill”, onde Gatescostuma interromper as apresentações aos berros, questionando fatos e declarações. Ele é conhecido por lançar críticas e desafios aos membros da equipe, e espera que as respostas sejam muito boas.Bill Gates coordena e participa de pequenas unidades dedicadas ás áreas funcionais, como programação e marketing, mas delega autoridade para os gerentes em seus respectivos departamentos. Cadaparte da companhia é independente, mas ele é a cola que mantém todas juntas. Suas metas e planos gerais de negócios para a Microsoft, conhecidos como Micrasoft Vision, são declarados e comunicados...
tracking img