Estudo de caso: o professor que virou tênis

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (301 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Estudo de Caso: O Professor que Virou Tênis

A Nike foi fundada em 1964 por Phil Knight, como um negócio de fundo de quintal, em Portland, Oregon, Estados Unidos. Phil Knighthavia sido estudante de administração e atleta da Universi-dade de Oregon. Em 1962, Knight, então estudante de MBA na Universidade de Stanford, na Califórnia, teve a idéia deimportar calçados esportivos do Japão. Essa idéia ele defendeu em seu trabalho de conclusão do curso de MBA e deu origem ao negócio que se tornaria a Nike. Nesse trabalho, Kníghtafirmava que as importações do Japão conseguiriam derrotar a hegemo-nia dos produtos esportivos da Alemanha nos Estados Unidos.
Origem da empresa
Em 1964, Knight e seu antigotreinador de atletismo, Bowerman, aplicaram 500 dólares cada um, para fundar uma empresa, chamada Blue Ribbon Sports. A empresa começou trazendo 200 pares de calçados decorrida da marca Onitsuka para os Estados Unidos. Knight, então empre-gado de um escritório de contabilidade, guardava os produtos no porão de sua casa e os trans-portava noporta-malas de seu carro para vendê-los em eventos esportivos, em suas horas livres. Em 1969, Knight abandonou o emprego de professor de administração para dedicar-se integralmente àcompanhia.
Esse foi o modelo de negócios até o dia, em 1970, em que o sócio de Knight inventou a sola que se tornaria a marca registrada da empresa, cozinhando borracha na chapade waffle de sua famí-lia. Em 1971, a empresa mudou de nome para Nike. Por 35 dólares, no mesmo ano, uma estu-dante de artes gráficas desenhou a "vírgula" que se tornaria osímbolo da Nike. Quarenta anos depois, evoluindo gradativamente dos sapatos de corrida para outros produtos esportivos, a Nike era a maior empresa de esportes e fitness do mundo.
tracking img