Estudo de caso: o cuidado do profissional de enfermagem a um paciente idoso, depressivo e cardiopata

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 21 (5164 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 14 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Estudo de Caso: O cuidado do profissional de Enfermagem a um paciente idoso, depressivo e cardiopata

1. INTRODUÇÃO
Segundo a Lei Federal n°10.741, de 1° de outubro de 2003 – Estatuto do Idoso, nos artigos 8-9, trata-se do direito à vida, ou seja, um envelhecimento saudável, protegido pelo Estado que dá ao idoso o direito ao acesso a consultas médicas, a moradia, recreação, educação, esportee lazer.
Para realizar um cuidado humanizado, integral e singular, se faz necessário conhecer os sentimentos, vontades e necessidades da pessoa que cuidamos, para assim conseguirmos ressonância da nossa ação, além de podermos exercer um cuidado real, procurando desta maneira, diminuir o sofrimento presente no convívio com a doença.
Assim, pensamos que a comunicação surge a partir do cuidadoprestado, da energia que se interpõe entre eu e a pessoa que cuido. Para se obter um cuidado voltado as necessidades e desejos do paciente é indispensável que a enfermeira esteja aberta para reconhecer estes chamados e que consequentemente possa estabelecer uma forma de comunicação adequada a cada paciente.
O corpo é um sensor que acusa o modo como lidamos com os acontecimentos. Cada parte delereflete uma emoção. Todas as alterações metabólicas do organismo tem sua origem no desequilíbrio emocional. Na vida somos cercados por situações do ambiente que afetam nossas emoções; pode-se dizer que, dependendo do nosso estado emocional, vamos ter um tipo de reação diante dos acontecimentos. De acordo com essas alterações emocionais, vamos manter a saúde ou provocar as doenças.
Oenvelhecimento é considerado uma das fases de desenvolvimento do ser humano. Onde o desenvolvimento contínuo da vida e da capacidade de adaptações, manifesta-se na lentidão das reações frente às agressões e nas dificuldades para retornar ao equilíbrio fisiológico. Este envelhecimento fisiológico é acompanhado de uma diminuição da capacidade de adaptação, sendo que, a existência de mais uma patologia aumenta afragilidade do idoso. A crise existencial do idoso com acúmulo de traumatismos psíquicos, é um outro fator de fragilização, que poderá desencadear a depressão.
Em nossa cultura é amplamente aceito que pacientes tenham depressão associada a doenças físicas. A depressão é muito comum entre pacientes que sofrem de doença cardíaca e, portanto, é frequentemente considerada como uma reação normal.Estudos indicam que aproximadamente 20% dos pacientes internados com doença isquêmica desenvolvem depressão grave enquanto mais de 30% apresentam depressão leve após receberem alta.
Barefoot e colaboradores(1996), em um estudo de seguimento de longo prazo, observaram que coronariopatas com depressão, de moderada a grave, apresentavam risco 84% maior de morte cardiovascular do que os não deprimidos.A depressão associa-se ainda com a diminuição da capacidade funcional, com a pior avaliação do estado de saúde e da qualidade de vida e com o aumento dos custos relacionados aos cuidados da saúde.
A escala de depressão geriátrica(EDG) é um dos instrumentos mais utilizados no mundo para rastrear depressão em idosos, tanto no contexto clínico quanto em pesquisas. Estudos em diferentes culturassuportam que a EDG é um instrumento com boa validade e confiabilidade. Em nosso meio, a versão curta da EDG apresentou boa qualidade quando foi comparada ao diagnóstico de depressão maior .
A Sistematização da Assistência de Enfermagem(SAE), configura-se como uma metodologia para organizar e sistematizar o cuidado, com base nos princípios do método científico. Tem como objetivos identificar assituações de saúde-doença e as necessidades de cuidado de Enfermagem, bem como subsidiar as intervenções de promoção, prevenção, recuperação e reabilitação da saúde do indivíduo, família e comunidade.

2. OBJETIVO
Apresentar um roteiro instrucional para a elaboração de um estudo de caso clínico, aplicando a Sistematização da Assistência de Enfermagem(SAE) a paciente depressivo e cardiopata e...
tracking img