Estudo de caso: taylor resolve um problema

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (480 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO
No ano de 1898, o engenheiro mecânico Frederick Taylor, expôs sua idéias, apresentando uma formação vista como controle de qualidade, operário bons com carga horária com intervalos dedescanso e pagamento elevado.
Taylor acreditava ou pelo menos apoiava: “Os direitos do povo, são portanto, superiores aos interesses dos empregadores”. Operários satisfeitos e descansados produziriammais.
Taylor entendia por administração fossem considerados cientifica sobre ponto de vista sobre ser humano.
DESENVOLVIMENTO

ESTUDO DE CASO: TAYLOR RESOLVE UM PROBLEMA
1. Que aconteceria seTaylor não obrigasse os homens a descansar ? Você acha que eles se esgotariam e sua produtividade diminuiria, como Taylor previu?
2. Deforma geral, qual a conseqüência do trabalho duro e ininterrupto?
3.O que Teylor comprovou com está experiência?
4. Você acha que trabalhar menos produz mais em qualquer situação? Você recomendaria isso a seus auxiliares?
5. Você conhece outras situações em que aspessoas precisam descansar para poder realizar uma tarefa?
6. Em sua opinião, por que algumas pessoas trabalham demais: necessidades, excesso de trabalho, falta de método, compulsão, vontade deagradar o chefe, recompensa elevada ou outro motivo?
7. Você acha que, de forma geral, as pessoas que trabalham com inteligencia não precisam trabalhar muito para alcançar bons resultados?
Respostas:
1.De acordo com a teoria de Teylor, os homens começariam a correr com o trabalho para ganhar mais, e assim chegariam a exaustão mais rápido e sua produtividade também cairia, pois com o corpo cansadonão conseguiriam carregar as toneladas; Já com intervalos o corpo descansaria e com isso tornar-se-iam renovados e seus rendimentos aumentariam.
2. A conseqüência do trabalho duro e sem interrupção éque o operário estaria sempre cansado e insatisfeito, e seu corpo sempre esgotado, não tendo ânimo para produzir.
3. Ele comprovou que é necessário repor suas energias desgastada, com um intervalo...
tracking img