Estudo de caso da empresa coletivos são cristóvão

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1028 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]





ALEXANDRE SILVA

CÍCERO SANTOS

GILBERTO BASTOS

RICARDO BARBOSA

SANDRO GOIS











COLETIVOS SÃO CRISTÓVÃO LTDA E MODELO TRANSPORTE URBANO: ESTUDO DE CASO











SALVADOR

2012

ALEXANDRE SILVA

CÍCERO SANTOS

GILBERTO BASTOS

RICARDO BARBOSA

SANDRO GOIS







COLETIVOS SÃO CRISTÓVÃO LTDA E MODELO TRANSPORTEURBANO: ESTUDO DE CASO








Trabalho de Graduação Interdisciplinar apresentado ao Centro Universitário Jorge Amado, como requisito parcial para obtenção do grau de Tecnólogo em Logística, sob a orientação da Profº José Alexandre Rodrigues.










SALVADOR

2012

SUMÁRIO





1. Coletivos São Cristóvão Ltda.Histórico)........................................................01







2. Estudo de Caso da Empresa Coletivos São Cristóvão/ Modelo Transporte Urbanos.................................................................................................................02































1. COLETIVOS SÃO CRISTÓVÃO LTDA (HISTÓRICO)



A Coletivos São Cristóvão foiadquirida em Belo Horizonte em 1980. Era uma empresa com nove carros que fazia a Linha Iapi-Centro, poucos anos depois incorporou a Viação Alterosa e passou a operar com vinte e um carros. Em 1984 o grupo deu mais um passo e participou da licitação do sistema de transporte coletivo de Garanhuns PE, onde foi uma das empresas vencedoras e passou a operar na cidade com 17 carros; em 2004 comprou aempresa Bragatur Ltda. e passou a operar com vinte e oito carros.
Com a ida da São Cristóvão para Garanhuns a cidade passou a ter um sistema de transporte coletivo estruturado, com carros mais modernos atendendo à todas as regiões da cidade com regularidade. Sempre pensando na qualidade para seus usuários inovou, lançando o “Garoinha” : um serviço diferenciado, com linhas bairro a bairro, comveículos equipados com ar-condicionado.
A Coletivos São Cristóvão de Garanhuns também foi a primeira empresa do estado de Pernambuco a adotar o sistema de bilhetagem completo e em 2011, através de uma empresa de consultoria de renome internacional, remodelou seu quadro de horários, alguns itinerários e criou uma linha circular para melhor atender seus clientes. A Coletivos São Cristóvão também játeve atuação em São Luiz do Maranhão e em Itabuna BA.
Começou a operar em Salvador BA em 1999 quando foi incorporada a antiga Viação Fonte Nova e já em 2002 cedeu parte da Coletivos São Cristóvão que passa a se chamar Modelo Transporte Urbano. Em 2005 as duas empresas passaram a operar na mesma garagem em Campinas de Pirajá. Hoje a frota das duas empresas soma quase duzentos e cinquenta veículos eroda anualmente aproximadamente vinte mil quilômetros. De lá para cá tem sistematicamente mantido a frota entre as mais jovens do sistema de Salvador e do estado de Pernambuco; em 2010 obteve certificação da ISO 9001 em ambas as empresas em Salvador.

2.1 ESTUDO DE CASO DA EMPRESA COLETIVOS SÃO CRISTÓVÃO/ MODELO TRANSPORTES URBANOS

A Empresa utiliza o sistema de TI (tecnologia daInformação) integrando todos os setores, já no Almoxarifado o sistema de TI é uma ferramenta estrategicamente muito interessante, pois todos os dados de insumos, matéria prima e serviços se encontram a disposição, a fim de facilitar seu controle e prover sua falta. Métodos como estoque mínimo e estoque máximo se modificam automaticamente pelo sistema. Porque sempre leva em conta a sua demanda como ponto parasua reposição. Já os serviços o sistema auxilia no contato com nossa cadeia de fornecedores sendo possível localizar números do telefone e endereços e o controle de tempo por serviço e qualidade do mesmo.
Já o setor de compra fica localizado na matriz em Belo Horizonte.De modo que basta que se faça a solicitação no sistema TI que o mesmo, em integração com a central atende à demanda de...
tracking img