estruturalismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4346 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

O estruturalismo é uma abordagem que veio a se tornar um dos métodos mais extensamente utilizados em várias áreas da vida humana, como a língua, a cultura, a filosofia da matemática e outras mais. Neste trabalho a sua abordagem recai na psicologia como uma das correntes que impulsiono o seu desenvolvimento. A partir das contribuições teóricas dos seus precursores como “WilhelmWundt” e “Edward Bradford Titchener” procuraremos entender de forma clara o seu conceito, característica, importância, vantagem e desvantagem.



































ESTRUTURALISMO

Wilhelm Wundt (1832-1920)

Nos primeiros anos da evolução da Psicologia como disciplina científica distinta, esta foi profundamente influenciada por Wilhelm Wundt quedeterminou o objecto de estudo, o método de pesquisa, os tópicos a serem estudados e os objectivos da nova ciência. Wundt formou-se em medicina e ficou particularmente conhecido pela criação do que ficou considerado como o Primeiro Laboratório de Psicologia Experimental, seguindo os modelos dos laboratórios das ciências naturais. Este laboratório torna-se rapidamente um centro de investigação, localonde acorrem psicólogos e estudantes de todo o mundo. Esta foi a forma mais eficaz de Wundt atingir o seu principal objectivo que era contribuir para o processo de autonomização da psicologia relativamente à filosofia.

O estruturalismo é uma corrente de pensamento nas ciências humanas que se inspirou do modelo da linguística e que apreende a realidade social como um conjunto formal de relações.O estruturalismo surgiu com o inglês Edward Bradford Titchener (1867–1927) e tem como fundamento o estudo dos elementos ou conteúdos mentais e sua conexão mecânica, mediante o processo de associação, porém, descartava a idéia de que a apercepção (processo mental através do qual cada indivíduo percebe e interpreta o mundo) tenha alguma participação nesse processo. De um modo geral, oestruturalismo procura explorar as inter-relações (as "estruturas") através das quais o significado é produzido dentro de uma cultura. Um uso secundário do estruturalismo tem sido visto recentemente na filosofia da matemática.

Wundt, influenciado pelas descobertas da química, segundo as quais todas as substâncias químicas são compostas por átomos, Wundt foi decompor a mente nos seus elementos mais simples,que são as sensações. Tanto para Wundt como para os seguidores do estruturalismo, as operações mentais resultam da organização de sensações elementares que se relacionam com a estrutura do sistema nervoso. Wundt recorre aos métodos experimentais das ciências naturais, particularmente às técnicas usadas pelos fisiologistas, e adaptou os seus métodos científicos de investigação aos objectivos daPsicologia.

Desta forma, a fisiologia e a filosofia ajudaram a moldar tanto o objecto de estudo da nova ciência com os seus métodos de investigação. Wundt define como objecto da psicologia o estudo da mente, da experiência consciente do Homem - a consciência - e é no seu laboratório, em Leipzig, que Wundt vai procurar conhecer os elementos constitutivos da consciência, a forma como se relacioname associam (concepção associacionista).


Para atingir estes seus objectivos, Wundt utiliza como método de estudo a introspecção controlada, que consistia em, no laboratório, observadores treinados descreverem as suas experiências resultantes de uma situação experimental. Através da introspecção, os sujeitos descreviam as suas percepções resultantes de estímulos visuais, auditivos e tácteis.Por exemplo, ouviam um som e em seguida descreviam o que sentiam e só este método permitiria, segundo Wundt, o acesso à experiência consciente do indivíduo. O emprego da introspecção veio da física, onde este método tinha sido utilizado para estudar a luz e o som e vem também da fisiologia, em que fora aplicado ao estudo dos órgãos dos sentidos.

A introspecção ou percepção interior, tal...