Estrutura de capital e custo de capital

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1142 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
ESTRUTURA DE CAPITAL E CUSTO DE CAPITAL

A estrutura de capital de uma empresa refere-se à composição de suas fontes de financiamento a longo prazo, oriundas de capitais de terceiros e de capitais próprios (patrimônio líquido).

O custo de capital representa a remuneração do capital aplicado, isto é, os juros pagos pelo uso do capital.

A TAXA DE JUROS

Juros é a remuneração do capitalempregado.

No sistema financeiro a taxa de juros de captação incorpora a inflação esperada, o risco-país e a taxa real.

A taxa dos juros de empréstimos/financiamentos incorpora a taxa de captação, a cunha fiscal, as despesas administrativas, a inadimplência e a margem de lucros bancários.

O retorno a ser recebido pelo investidor em um título é o custo desse título para a empresa que oemitiu.

Retorno exigido = custo de capital = taxa apropriada de desconto

A taxa de retorno mínimo exigido representa o custo de capital.

Custo médio ponderado de capital (WACC-Weighted Average Cost of Capital) é usado quando se tem várias fontes de financiamento dos projetos de investimentos.

O CUSTO DO CAPITAL DE TERCEIROS

Ki ( após IR) = Ki (antes do IR) x (1-IR)

Exemplo:
Admitaum financiamento de R$ 200.000,00 tomado à taxa de 20% ao ano. Sendo de 34% a alíquota de Imposto de Renda da empresa, os juros de competência do período atingem:

-Despesas financeiras brutas: R$ 200.000,00 X 20% = R$ 40.000,00
-Economia de IR = R$ 40.000 x 34% = R$ 13.600,00
-Despesas Financeiras Líquidas do IR = R$ 26.400,00

Relacionando-se os encargos financeiros de competêcia doperíodo com o passivo gerador dessas despesas, tem-se o custo de captação líquodo do Imposot de Renda, ou seja:

K = R$ 26.400,00 / R$ 200.000,00 = 13,2%
O que é o mesmo resultado de K = 20% x (1-0,34) = 13,2% a.a..

Exemplo de cálculo do Custo Médio Ponderado de Capital:

Capital Próprio : R$ 800.000,00 com custo de 25% a.a.
Financiamento: R$ 1.200.000,00 com custo de 18% a.a.

Participaçãopercentual do Custo de Capital Próprio = 40%
Custo do Capital de Terceiros = 60%

Custo Médio Ponderado de Capital=(25% x 0,40)+(18% x 0,60)=10,0% + 10,8=20,8%

O CUSTO DO CAPITAL PRÓPRIO

Enfoques de determinação do custo do capital próprio:
- Modelo de crescimento de dividendos;
- Enfoque da linha de mercado de títulos – SML (Security Market Line)

Modelo de crescimento de dividendosPo = preço da ação;
g = taxa de crescimento de dividendos;
i = taxa de desconto.
Po = [Do . (1+g)] / (i-g)

O custo do capital próprio é equivalente à remuneração que a empresa paga aos proprietários, sendo representada pelos dividendos respectivos às ações.

Conhecendo-se o preço de mercado de uma ação, o último dividendo pago e a taxa de crescimento do dividendo, pode-se determinaro custo do capital próprio.
O preço de uma ação é resultante da soma do valor atual dos dividendos futuros, descontados a uma taxa mínima exigida.

O diagrama do fluxo de caixa representativo do valor de uma ação é o seguinte:



Onde:
Po = preço da ação
D = dividendos futuros

Algebricamente o preço de uma ação é:



Considerando-se um modelo com crescimento dos dividendosa um fator constante (g), temos que: D1 = Do.(1+g); D2 = Do.(1+g)2 ; D3 = Do.(1+g)3 ; e assim sucessivamente até D¥ = Do.(1+g) ¥.

Assim, pode ser escrita da seguinte forma:



Multiplicando a equação modificada por , tem-se:



Subtraindo-se II menos I, teremos:


Colocando Po em evidência, teremos:



Considerando-se que o denominador comum da primeiraparte da equação é (1+ i), pode-se transformá-la como se segue:

Þ

Þ



Colocando-se o em evidência no segundo termo da equação têm-se:



Passando (g–i) dividindo o outro lado da equação e, também, passando (1+i) multiplicando, têm-se:



Simplificando, pode ser eliminado (1+i) no numerador e denominador, resultando:...
tracking img