Estradas e aeroportos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3010 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Sitraer 7 (2008) 183-192 – Tr. 370

CORREÇÃO DE PATOLOGIA EM PAVIMENTO ASFÁLTICO AEROPORTUÁRIO
Francisco Heber Lacerda de Oliveira
Ernesto Ferreira Nobre Júnior
Universidade Federal do Ceará
Departamento de Engenharia de Transportes
RESUMO
Os pavimentos estão entre as mais importantes estruturas de um complexo aeroportuário, considerando suas
construções, instalações, equipamentos efacilidades de um modo geral. As atividades de vistorias, avaliações e
levantamentos para identificação de defeitos que objetivem a proposição de serviços de manutenção corretiva
desses pavimentos devem constituir tarefa de grande importância para os administradores aeroportuários. Isso
pelo fato de que essas relevantes infra-estruturas representam uma grande parcela dos recursos materiais e,principalmente financeiros, alocados ao longo da vida útil de um aeroporto. Este trabalho tem a finalidade de
apresentar uma comunicação técnica descritiva dos serviços de engenharia realizados para a correção de
patologia asfáltica identificada na pista de taxiamento de aeronaves do Aeroporto Internacional Pinto Martins,
em Fortaleza, Estado do Ceará.
ABSTRACT
Pavements represent one of mostimportant structures of an airport complex, considering its buildings,
installations, equipments and facilities in general. The activities of inspections, evaluations and surveys to
identify defects that objective the proposition for correct maintenance in these pavements should be of great
importance to airport administrators. That because the relevant infrastructure represents a large portion ofmaterials and resources, especially financial, allocated over the airport life. This paper is intended to provide a
technical description of communication engineering services performed for the correction of asphaltic pathology
found in aircraft stand taxiway of Pinto Martins International Airport, in Fortaleza, State of Ceará.

1. INTRODUÇÃO
O aeroporto internacional da capital cearenseteve suas origens durante o período da Segunda
Guerra Mundial (1939–1945), com o ingresso dos Estados Unidos na batalha, devido à
necessidade de construção de bases de apoio mais funcionais para as missões americanas no
Brasil. Essas bases deveriam estar presentes principalmente em capitais do Norte e Nordeste,
em virtude da localização estratégica na América do Sul.
Apesar de Fortaleza jápossuir desde 1930 um pequeno aeródromo, denominado Alto da
Balança, no interior do local onde atualmente funciona a Base Aérea de Fortaleza, foi
necessária a construção de uma infra-estrutura com capacidade de receber as tripulações e as
modernas aeronaves de guerra.
No decorrer dos anos, o aeroporto passou por uma série de modificações para se adequar à
evolução do transporte aéreo nacional einternacional.
Em janeiro de 1974, o Aeroporto de Fortaleza, até então sob o comando do Ministério da
Aeronáutica, passou à administração da recém-criada Empresa Brasileira de Infra-Estrutura
Aeroportuária – INFRAERO, que iniciou uma série de melhorias no terminal de passageiros e
no sistema de pátio e pistas.
O aeroporto recebeu o nome de Pinto Martins em homenagem ao piloto cearense, naturaldo
município de Camocim, a 380 km da capital, Euclydes Pinto Martins (1892 – 1924) que
realizou o primeiro vôo entre New York e o Rio de Janeiro a bordo de um hidroavião, entre
setembro de 1922 e fevereiro de 1923.

183

Sitraer 7 (2008) 183-192 – Tr. 370

O atual Aeroporto Internacional de Fortaleza teve sua construção iniciada em 1996 após
parceria firmada entre os governos Federal eEstadual. A inauguração ocorreu em fevereiro de
1998, tornando-se um dos mais modernos complexos aeroportuários do Brasil.
Projetado para atender 3,0 milhões de passageiros/ano, o Aeroporto Internacional de Fortaleza
atingiu em 2007, a marca de 3,6 milhões de passageiros, sendo classificado como o
10º aeroporto brasileiro e o 3º do Nordeste em movimento de passageiros, ultrapassado por...
tracking img