Estetica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4813 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
248

Artigo Original
Autores:
Elen Violeta Souza Santos Cela1 Márcia de Britto da Rocha1 Tatiana Maciel Gomes2 Chang Yung Chia3 Camille Furtado Alves4

Avaliação clínica da eficácia do óleo de andiroba na queimadura pós-depilação com luz intensa pulsada: estudo prospectivo, comparativo e duplo-cego
Clinical evaluation of the effectiveness of andiroba oil in burns caused by hair removalwith intense pulsed light: a prospective, comparative and double-blind study
RESUMO Introdução: A depilação com luz intensa pulsada é método de uso corrente, utlizando-se geralmente corticosteroides de baixa ou média potência para o alívio da dor e a reação inflamatória que se seguem ao procedimento. Compostos botânicos, como a emulsão de óleo de andiroba, têm demonstrado efeitos hidratantes eanti-inflamatórios. Objetivo: Como opção aos corticosteroides tópicos, os autores testam a eficácia da emulsão do óleo de andiroba comparando-a à da desonida. Métodos: Foi desenhado estudo prospectivo, comparativo e duplo-cego com nove pacientes do sexo feminino, submetidas à depilação com luz intensa pulsada na região inguinal e tratadas imediatamente após o procedimento com desonida num lado eemulsão de óleo de andiroba no outro lado, aleatoriamente. As pacientes avaliaram a sensação de dor segundo a escala visual analógica de dor, e uma médica dermatologista observadora avaliou a reação inflamatória gerada pelo procedimento, comparando-se os dois lados de forma cega. Resultados: Não houve diferenças significativas no alívio da dor e da reação inflamatória, na comparação dos dois produtos. Opotencial analgésico e anti-inflamatório da emulsão do óleo de andiroba praticamente equivaleu ao da desonida. Conclusões: Os resultados deste estudo-piloto indicam que a emulsão do óleo de andiroba pode ser opção no tratamento após a fotoepilação. Palavras-chave: queimaduras; remoção de cabelo; terapêutica; glucocorticoides; umectantes.

1 2

3

4

Dermatologista – Rio de Janeiro (RJ),Brasil. Mestre pela Universidade Estácio de Sá – Rio de Janeiro (RJ), Brasil. Coordenador da residência médica e microcirurgia do Centro de Estudos e de Pesquisas de Cirurgia Plástica do Hospital Federal do Andaraí – Rio de Janeiro (RJ), Brasil. Acadêmica de nutrição da Laureate International Universities (IBMR) – Rio de Janeiro (RJ), Brasil.

Correspondência para:
Dr. Chang Yung Chia Av. LúcioCosta, 3360 bloco 8 apto. 2402 – Barra da Tijuca 22.630-010 – Rio de Janeiro - RJ E-mail: changplastica@gmail.com

Data de recebimento: 19/08/2012 Data de aprovação: 12/09/2012 Trabalho realizado na clínica privada dos autores – Rio de Janeiro (RJ), Brasil. Suporte Financeiro: Nenhum Conflito de Interesses: Nenhum

ABSTRACT Introduction: Intense pulsed light is commonly used for hair removal.Corticosteroids of low or medium potency are generally employed for pain and inflammatory reaction relief following such procedures. Botanical compounds, such as andiroba oil emulsion, have been proven to have moisturizing and anti-inflammatory effects. Objective: To compare the effectiveness of andiroba oil emulsion to desonide as an option to topical corticosteroids. Methods: A prospective,comparative, double-blind study evaluated nine female patients who underwent hair removal with intense pulsed light in the inguinal region. The patients were treated immediately after the procedure with desonide on one side and andiroba oil emulsion on the other. The patients rated the pain sensation using a visual analog pain scale, and an observer dermatologist physician evaluated the inflammatoryreaction caused by the procedure, comparing the two sides blindly. Results: There were no significant differences in pain relief or inflammation between the two products.The analgesic and anti-inflammatory potential of andiroba oil emulsion practically equaled that of desonide. Conclusions: This pilot study’s results indicate that andiroba oil emulsion can be a treatment option following...
tracking img