estetica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1232 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de setembro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
































































SUMÁRIO
1 INTRODUÇÃO 5
2 DESENVOLVIMENTO 6
3 CONCLUSÃO 9
4 anexo 11
5 REFERENCIAS 12

1 INTRODUÇÃO
No trabalho foi feito um questionário e a partir do mesmo foi feito um texto onde foi abordado sobre o que o alisamento pode causar para a saúde humana quais sãoos efeitos de um coloração e se a melhora na autoestima. Também foi citado se os produtos precisam ser registrados pela ANVISA e algumas reações que esses procedimentos podem causar.


2 DESENVOLVIMENTO
O cabelo não possui nenhuma função vital nos seres humanos, todavia sua importância psicológica é imensurável. A perda de cabelo pode construir um problema psicossocial e afetar nossa qualidadede vida afinal, o pelo serve a muitas outras finalidades, mas também é considerado comunicação sexual e social. Devido esses fatos homens e mulheres vivem buscando tratamentos estéticos para embelezarem e tratarem seus cabelos cada vez mais.
Os cabelos se caracterizam por serem estruturas proteicas, combinado com água, lipídeo, pigmentos e micro elementos. São muito resistentes, podendopersistir intactos por séculos, mas são flexíveis e elásticos, capazes de dobras de tamanho quando molhados.
Para mudar forma dos fios, os produtos químicos agem na parte interna do cabelo, no córtex, onde estão dispostos os grânulos de eumelanina ou a feomelanina, que proporcionam as colorações aos fios, que podem variar de marrom a preto e de amarelo a vermelho, respectivamente. Além de ser umarmazenador de água das fibras, composto por lâminas de queratina. Para os produtos químicos atingirem o córtex é necessário a abertura da camada mais externa do fio chamada de cutícula, formadas por lâminas sobrepostas, em formas de escamas de peixe, para proteger o córtex, controlar o conteúdo de água da fibra, e desestabilizar o fio, que pode se quebra facilmente.
Tentar alterar as característicasnaturais do cabelo pode ser esteticamente gratificante, melhora a autoestima, e faz parte de um padrão que a sociedade exige. Porém, o excesso e o uso indevido de substâncias químicas (cosméticos, xampus com grandes concentrações de detergente, descolorantes, tinturas, cloro), e físicas (radiações UV, vento, falta de umidade no ar, poeira, secadores), é uma violência contra os fios de cabelo.
Oprocedimento de alisamento químico não acarreta danos para a saúde, desde que o produto atenda às exigências estabelecidas na legislação sanitária e o procedimento seja realizado seguindo as orientações do fabricante e por profissionais competentes com conhecimento sobre o produto, suas indicações, contraindicações e cuidados. O uso de produtos não registrados ou o seu uso sem seguir as orientaçõesdo fabricante podem causar danos à camada córnea, queimaduras graves no couro cabeludo, quebra e queda dos nossos cabelos (AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA, 2007). Para isso é importante que todo tipo de alisante seja registrado na ANVISA.
O formol, também é conhecido como formaldeído, formalina ou ácido fórmico, é uma substância permitida na utilização de produtos cosméticos apenas paraconservar produtos e como agente endurecedor de unhas. Em ambos os casos, o formol é adicionado aos produtos durante o processo de fabricação, na indústria, e não depois que o produto já está pronto. Adicionar formol ou qualquer outra substância a produtos sujeitos à vigilância sanitária é infração sanitária (adulteração ou falsificação) e crime pela legislação brasileira. O uso indevido de formolocasiona diversos riscos à saúde.
As técnicas utilizadas nos procedimentos variaram bastante, sendo que muitos deles fazem mais de um tipo de alisamento, as técnicas mais abordadas foram: escova progressiva, relaxamento, escova marroquina entre outras técnicas menos abordadas. Quando foi perguntado se o profissional tem conhecimentos sobre o produto que utiliza, afirmou conhecer o produto,...
tracking img