Esquistossomose

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3317 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Esquistossomose
1 INTRODUÇÃO
A esquistossomose mansoni é uma doença parasitária, causada pelo trematódeo Schistosoma mansoni, cujas formas adultas habitam os vasos mesentéricos do hospedeiro definitivo e as formas intermediárias se desenvolvem em caramujos gastrópodes aquáticos do gênero Biomphalaria. Trata-se de uma doença, inicialmente assintomática, que pode evoluir para formas clínicasextremamente graves e levar o paciente ao óbito. A magnitude de sua prevalência, associada à severidade das formas clínicas e a sua evolução, conferem a esquistossomose uma grande relevância como problema de saúde pública.
É uma das parasitoses humanas mais difundidas no mundo e sua ocorrência está relacionada à ausência ou precariedade de saneamento básico.
Encontrada na África, Ásia e na Américado Sul. No continente americano, fixou-se na Venezuela, no Suriname, Porto Rico, República Dominicana, algumas ilhas das Antilhas e no Brasil. Acredita-se que a doença chegou ao Brasil por meio do tráfico de escravos.
No Brasil, estima-se que cerca de 6 milhões de indivíduos estejam infectados e 25 milhões, expostos aos riscos de contrair a doença.
A esquistossomose não deve ser compreendidacomo um problema restrito apenas à área da saúde, mas sim com claras repercussões nos campos econômico, sociale ambiental.
No caso da EM, categorizada como de risco para a saúde humana relacionada com a contaminação da água por agentes biológicos contidos nas fezes, as ações de saneamento básico e ambiental são reconhecidas como as de maior eficácia para a modificação, em caráter permanente, dascondições de transmissão da doença.
Para o controle da esquistossomose, as medidas de saneamento básico e ambiental devem ser tomadas em todas as localidades, independente do nível de prevalência, medidas estas de responsabilidade de órgãos municipais com participação da comunidade local.
É necessário o monitoramento periódico das coleções hídricas pelos municípios para identificação de possívelsurgimento de espécie de hospedeiro intermediário de conhecida importância epidemiológica.

2 DEFINIÇÃO DE ESQUISTOSSOMOSE
As três principais espécies do Schistosoma que infectam o homem são: Schistosoma mansoni, Schistosoma japonicum e Schistosoma haematobium (JORDAN et al., 1969). Estas espécies diferem na maneira como infectam, incluindo o período compreendido entre a penetração da larva eoviposição, localização final no hospedeiro, número médio de ovos produzidos pelos pares de vermes, tamanho e morfologia dos ovos e reações inflamatórias que induzem no hospedeiro (WARREN , 1975).
O S. mansoni pertence à família Schistosomatidae, sendo a espécie causadora da esquistossomose no Brasil. A esquistossomose mansônica é decorrente da infecção humana pelo trematódeo parasita Schistosomamansoni. A transmissão do verme depende da presença de espécies suscetíveis de caramujos de água doce pertencentes ao gênero Biomphalaria. A gravidade da esquistossomose depende da carga parasitária adquirida nos contatos com os ambientes hídricos contaminados e, quase sempre, de exposições sucessivas aos focos. A doença, entre outras denominações, também é conhecida como esquistossomíase,barriga d`água, bilharziose, xistosa, e doença do caramujo.

3 AGENTE ETIOLÒGICO
Os vermes causadores da esquistossomose pertencem ao filo Platyhelminthes, Classe Digenea, Família Schistosomatidae. Os representantes dessa família possuem sexos separados e acentuados dismorfismo sexual (machos achatados e fêmeas cilíndricas). As espécies desses parasitas mais amplamente disseminadas são: Schistosomamansoni, S. haematobium e S. japonicum. Outras espécies do gênero adaptadas ao homem, menos freqüentes que as anteriores, são: S. mekongi, S. malayensis, S. mattheei e S. intercalatum. Dessas espécies, no continente americano só existem focos de S. mansoni.
4 RESERVATÓRIO
No ciclo da doença estão envolvidos dois hospedeiros, um definitivo e outro intermediário.
4.1 HOSPEDEIRO DEFINITIVO
O...
tracking img