Espiral do conhecimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2092 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Anhanguera - Uniderp

Centro de Educação a Distância

ADMISTRAÇÃO – SÉRIE 1 05/06/2011

Este trabalho foi elaborado em junho de 2011 pelo grupo:

O CONHECIMENTO E SUA ESPIRAL (DENTRO DA EMPRESA)

INTRODUÇÃO

Segundo o PLT e a ajuda de alguns sites, pôde se,obter respostas sobre o conhecimento e sua espiral, conceitos introdutórios dentro das empresas, e como adquirir sucesso através da aplicação da espiral do conhecimento nas empresas, ensina que nada é possível se não obtivermos conhecimento, que pose ser adquirido com a experiência e com a convivência com quem sabe mais ( conhecimento tácito ), ou através de estudo e treinamentos específicos (conhecimento explícito ).

O CONHECIMENTO E SUA ESPIRAL

O conhecimento em si é formado por dois componentes dicotônicos e aparentemente opostos, isto é, o conhecimento explícito e o conhecimento tácito. O conhecimento explícito pode ser transmitido rapidamente aos indivíduos, formal ou sistematicamente, através de palavras, números ou sons e compartilhado na forma de dados, fórmulascientificas, recursos visuais, fitas de áudio, especificações de produtos ou manuais. O conhecimento tácito, por outro lado, não é facilmente visível e explicável. Pelo contrário, é altamente pessoal e difícil de formalizar, tornando-se dificultoso o compartilhamento e a comunicação. O conhecimento tácito está profundamente enraizado nas ações e na experiência corporal do individuo, assim como nos ideais,valores ou emoções que ele incorpora as intuições, e os palpites também se incluem ao conhecimento tácito.

Existem ainda duas dimensões para o conhecimento tácito. A TÉCNICA e a COGNITIVA: a Técnica engloba as habilidades informais e de difícil detecção, os insights altamente subjetivos e pessoais, as intuições, os palpites e as inspirações derivadas da experiência corporal, se encaixamperfeitamente nesta dimensão. Já a Cognitiva, consiste em crenças, percepções, ideais, valores, emoções e modelos mentais tão inseridos em nós que os consideramos naturais. Embora não possa ser articulada muito facilmente, essa dimensão do conhecimento tácito dá forma ao modo como percebemos o mundo em torno de nós.

O conhecimento é criado através de um espiral que passa através de doisconceitos aparentemente opostos, como tácito e explícito, caos e ordem, micro (individuo) e macro (ambiente), eu e outro, mente e corpo, parte e todo, dedução e indução, criatividade e controle, inferior e superior, burocracia e força de trabalho e assim por diante. A chave para liderar o processo de criação do conhecimento é o raciocínio dialético, que transcende e sintetiza essas contradições.Os opostos são interdependentes, significando que dependem uns dos outros. Não teria sentido falar de escuridão se não houvesse luz, assim cada membro de um pólo oposto parece necessitar de outro para fazê-lo ser o que é. Os opostos são interpenetrantes, o que significa que podem ser encontrados uns nos outros. Se olharmos detidamente para algumas coisas, podemos ver seu oposto. Além disso osopostos podem se tornar a mesma coisa, se tomarmos seu oposto ao extremo final e o tornarmos absoluto.

“A essência da criação do conhecimento está profundamente enraizada no processo de construir e administrar sínteses”, exige-se uma síntese de alguns opostos, antes que o nosso conhecimento possa ser criado, organizacionalmente, de maneira espiralada.

A criação do conhecimento iniciacom a socialização e passa através de quatro modos de conversão do conhecimento, formando uma espiral, que é amplificada à medida que passa para os níveis ontológicos, do individuo para o grupo e, então, para a organização.

Cada modo do processo SECI envolve uma combinação diferente das entidades de criação do conhecimento, como mostrado abaixo;

Socialização; Compartilhar e criar...
tracking img