Especiarias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 24 (5865 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de novembro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto

MÓDULO ESPECIAL – PESQUISAS GASTRONÔMICAS








AS ESPECIARIAS NO BRASIL












2013
SUMÁRIO


INTRODUÇÃO.....................................................................................................................3
OBJETIVOS.........................................................................................................................5
1. ASESPECIARIAS NO BRASIL......................................................................................6
1.1 HISTORIA DAS ESPECIARIAS....................................................................................6
1.2 PRINCIPAIS ROTAS DE COMÉRCIO DAS ESPECIARIAS.......................................7
1.3 HISTÓRIA DAS ESPECIARIAS NOBRASIL................................................................8
1.4 DESCRIÇÃO E USOS DAS PRINCIPAIS ESPECIARIAS............................................9
1.5 ESPECIARIAS BRASILEIRAS....................................................................................15
1.6 ESPECIARIAS EXÓTICAS.........................................................................................23CONCLUSÃO....................................................................................................................26
RESENHA CRÍTICA..........................................................................................................27
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS................................................................................28












INTRODUÇÃO

Especiarias são temperos (condimentos) usadosna culinária para proporcionar sabores diferentes nas preparações. Algumas especiarias eram, e ainda são, utilizadas, também, na fabricação de cosméticos, óleos e medicamentos.
Como produtos secos, podiam ser transportados em navios e caravanas por meses, sem perder o seu sabor. Algumas eram conhecidas desde a antiguidade, através das rotas comerciais que ligavam Egito, Grécia e Roma aos impériosda Índia e China. Com a queda do Império Romano, os europeus passaram a utilizar mais os produtos locais.
A partir do séc. XVIII, as conquistas islâmicas na Península Ibérica e também na Sicília, reintroduziram as especiarias na Europa. Com as Cruzadas, houve a disseminação do consumo de outros temperos conhecidos nas regiões onde elas ocorreram. Assim, rotas comerciais, terrestres e marinhasque uniam a Europa internamente, mas também esta com a China e a Índias, foram estabelecidas.
Poe terem uma grande resistência a deterioração e a longos períodos de estocagem, sem perda de qualidade, tornou possível a ampliação de seu comércio.
A tomada de Constantinopla pelos turcos otomanos dificultou o acesso a estes produtos devido ao controle, pelos turcos, das rotas de comércio dasprincipais especiarias. Isso incentivou portugueses e espanhóis a buscarem rotas alternativas para o Oriente.
Portugal pela sua posição geográfica aproveitou para lucrar, com a venda das especiarias, obtendo-as diretamente dos produtores. Neste contexto das grandes navegações encaixa-se o descobrimento do Brasil. As principais especiarias buscadas eram: pimenta, gengibre, cravo, canela, noz moscada,açafrão, cardamomo, e também, ervas aromáticas. O domínio espanhol, nas navegações, a partir de 1580, fez com que Portugal buscasse em novas terras, especiarias para abastecer a Europa.
No Brasil, a aclimatação e o cultivo da cana-de-açúcar foi o início do processo para a aclimatação e cultivo de espécies asiáticas, e também a descoberta e comercialização de espécies nativas; as chamadas “Drogas doSertão”. Estas, por sua vez, tornaram-se tão exportadas como as espécies aclimatadas aqui; e, esse comércio, representava o forte da economia desta época, aqui no Brasil. Estre as “Drogas do Sertão” estão: cacau, urucum, guaraná, pau-cravo, pimenta rosa, e, castanha do Pará.
Neste trabalho, procurou-se apresentar o contexto histórico, a importância comercial, as principais rotas comerciais,...
tracking img