Escoliose dorso lombar

1 INTRODUÇÃO

Escoliose dorso Lombar não estrutural

A coluna vertebral constitui o eixo ósseo do corpo e está construída de modo a oferecer resistência, sustentação, flexibilidade necessária à movimentação do tronco e proteção da medula espinhal do sistema nervoso central. Serve de suporte e mobilidade da cabeça, permite diversos movimentos do troncoe oferece fixação aos numerosos músculos.
A coluna possui curvaturas normais no sentido ântero-posterior sendo elas, lordose cervical, lordose lombar e cifose sacral, no entanto qualquer curvatura no sentido látero lateral é considerada anormal, chamada de escoliose.
Segundo Lopes (1995) a escoliose é uma deformidade complexa da coluna vertebral nos três planos do corpo (frontal,sagital, transversal) no qual o principal componente é o desvio lateral anormal do plano frontal sendo uma condição potencialmente progressiva que compromete a postura corporal.
As escolioses podem ser classificadas em dois grandes grupos: funcionais (não estruturais), morfológicas (estruturais). As escolioses funcionais é reversível podendo ser alterada com inclinação para à frente ou para o lado,além disso, ela geralmente não progride e não apresenta rotação vertebral, porém, presente durante longo tempo em uma criança com menos de 10 anos ela pode desenvolver características morfológicas. Já a morfológica é irreversível com desvio lateral, alterações anatômicas e rotação fixa das vértebras no sentido da convexidade das curvas (KISNER e COLBY, 1998).
Kendall (1998) afirma que aescoliose conduz a desequilíbrio de força e comprimento musculares do tronco, apresentando a musculatura do tronco de maneira retraída e músculo mais alongado do lado convexo da curvatura, o que caracteriza um problema de assimetria muscular, levando a um alinhamento defeituoso que resulta em sobrecarga e tensão indevida sobre ossos, articulações e músculos.

A escoliose em geral, envolve asregiões torácica e lombar. Sendo que quando há uma curvatura estrutural, haverá um aumento no lado da convexidade da curvatura, desse modo a curvatura será dupla ou em S, como no tipo torácica à direita e lombar a esquerda haverá um aumento do lado direito da coluna dorsal e aumento a esquerda na área lombar. A escoliose simples ou funcionais também chamada curvatura em C ocorrerá aumento em umlado. Geralmente, uma curvatura simples permanece com uma curvatura esquerda na coluna lombar e muda para uma curvatura direita na coluna superior ( KISNER e KENDALL 1998).

2 FISIOPATOLOGIA

A escoliose não-estruturada caracteriza-se pela flexibilidade e pelo potencial de reversão, uma vez corrigida a causa. Em alguns casos, pode ser considerada um estágio anterior à escolioseestruturada. As escolioses podem ser classificadas em dois grandes grupos: funcionais (não estruturais), morfológicas (estruturais). (LEAL S/D).
Nas causas posturais, se englobam toda a série de incorreções de postura originadas por uma má adaptação da coluna à posição bípede; as de compensação, ocorre por exemplo de uma dismetria dos membros inferiores, a qual pode ser real ou funcional, conformeexista uma lesão dos membros inferiores ou apenas uma alteração da estática dos mesmos, são ainda de compensação os desvios que têm a sua origem em lesões das estruturas anexas à coluna, que podem ter as mais variadas causas; antiálgicas, surgem como atitude de defesa perante a dor, como no caso de uma ciatalgia; as inflamatórias são, provocadas por um processo inflamatório da coluna ou estruturasanexas; por fim pitiáticas ou histéricas, cuja etiologia está implícita (MARQUES, 2000).

3 QUADRO CLINICO/DIAGNÓSTICO

Para Kisner (2005) a escoliose dorso lombar é acompanhada de inclinação pélvica lateral, a coluna lombar move-se com a pelve em uma posição de curvatura lateral, convexa para o lado de baixo, sendo que o ombro fica mais baixo no lado do quadril alto. Uma diferença...
tracking img