Escola

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1046 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
21/11/12

Jornal Hoje - Câmera do JH mostra a situação dos menores infratores no Brasil

globo.com notícias esportes entretenimento vídeos e-mail Globomail Pro Globomail Free Criar um e-mail central globo.com assine já todos os sites

Jornal Hoje Edição do dia 01/08/2012 02/08/2012 16h08 - Atualizado em 31/08/2012 14h43

Câmera do JH mostra a situação dos menores infratores no BrasilReportagens mostram o perfil de crianças e adolescentes que cometem crimes, como eles estão sendo recuperados e o drama das famílias.
Recomendar Tw eetar 12 48

Os menores que cometem delitos e crimes são o tema do Câmera do JH do mês de agosto. Em todo o Brasil, quase 36 mil menores estão cumprindo medidas sócio-educativas. "Nós temos uma sociedade que descuidou em grande medida da sua infância eadolescência, então esse descuido de um passado nem tão distante, ele ferou agora uma consequência", avalia Mário Sérgio Cortella, educador. Reportagens mostram o desespero de pais de adolescentes envolvidos com drogas. Uma mãe chegou a entregar cartazes no bairro, pedindo aos vizinhos que liguem para ela se virem o garoto nas ruas. "É uma atitude de desespero, eu já fiz tudo o que eu podiafazer", declara.

g1.globo.com/jornal-hoje/…/camera-do-jh-mostra-situacao-dos-menores-infratores-no-brasil.html

1/4

21/11/12

Jornal Hoje - Câmera do JH mostra a situação dos menores infratores no Brasil

Na primeira reportagem (veja o vídeo ao lado), o quadro mostra o drama que envolve duas famílias: a de Brendo, o atendente de uma locadora que aos 17 anos morreu trabalhando, depois deser baleado por um adolescente de 16 anos; e a da família do menor que cometeu o crime. O menor, que está detido, conta que resolveu roubar a locadora, pois queria uma moto, que seu pai e seu avô negaram comprar. "Pedi a moto pro meu avô, ele não me dava. Pedi a moto pro meu pai, ele não me dava. Eu ainda avisei pra eles: 'se não me dá, então eu vou roubar'", afirma. O bandido diz que se assustoucom Brendo e o revólver disparou sozinho. "Agora eu tô lá, preso por nada e fiz a família sofrer à toa", diz. "Parte dos jovens hoje são formados sozinhos. Eu sempre digo: o mundo que nós vamos deixar para os nossos filhos, depende muito dos filhos que nós vamos deixar para esse mundo", diz o educador Mário Sérgio Cortella.

Um adolescente apreendido pode ficar de seis meses a três anos semliberdade. Quando o portão da unidade de internação se abre, a vida dele se transforma. A segunda reportagem mostra como é o primeiro e o último dia de um adolescente que tem que cumprir uma medida sócio-educativa. (Veja a reportagem completa ao lado). A rotina pesada e rígida do início da internação diminui com o tempo, e o jovem pode voltar a estudar e também a aprender em oficinas.Uma equipe depedagogos e psicólogos acompanham os adolescentes até o último dia. "Este trabalho que é realizado dentro da unidade de internação é parte do trabalho. É importante que a comunidade e a sociedade esteja preparada para receber este adolescente, pra que ele tenha também oportunidade e acesso à educação, à saúde, ao mercado de trabalho", ressalta Rodrigo Trindade, gerente de uma unidade de internação paramenores infratores.

Para recuperar um adolescente que rouba, se mete em encrencas e se envolve em delitos, voluntários trabalham com eles para que consigam mudar de vida. Foi o que aconteceu com Vinicius Oliveira, que foi internado três vezes na Fundação Casa por roubo. “Queria carro, casa, festa, balada. Você vê o outro tendo alguma coisa e você não. Eu pensava ‘eu também quero ter, então euvou pegar de algum jeito”, diz. Durante a terceira internação, Vinicius fez um curso de instalação elétrica e hidráulica. Quando saiu da Fundação Casa, começou a trabalhar e hoje faz faculdade de engenharia elétrica. Veja no vídeo acima exemplos de iniciativas que visam recuperar jovens infratores em todo o Brasil. A maioria dos jovens que cumprem medidas socioeducativas no Brasil foi apreendida...
tracking img