Escola grega

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1751 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
MAGNUM MACHADO FERNANDES E

CLEIDE BORTOLUZZI LOPES















EDUCAÇÃO GREGA

[pic]

São Joaquim, S/C

2012

MAGNUM MACHADO FERNANDES E

CLEIDE BORTOLUZZI LOPES

















EDUCAÇÃO GREGA



Trabalho realizado na Escola de Educação Básica São José, no quarto magistério, para a disciplina de Filosofia da Educação, tendo como professor João Florêncio, comorequisito parcial de avaliação.





















São Joaquim, S/C

2012


INTRODUÇÃO



O estilo de vida do povo grego gerou uma cultura de pensantes e pensadores. Possivelmente foram os gregos que inventaram o primeiro tipo de escola, uma vez que era hábito a formação de reuniões de grupos para discutir e debater assuntos de natureza científica que intrigavam as pessoas. Com isto surgiramgrandes pensadores, tais como Sócrates, o “filósofo de rua”, que assumiam o papel de enriquecer o pensamento das pessoas através de suas concepções criticamente elaboradas. Anos mais tarde Alexandre Magno inventou a escola sistematizada do jeito que conhecemos hoje. Assim, conhecer a Educação grega é de fundamental importância para os educadores, uma vez que a Grécia é considerada o berço dapedagogia.





























































Sumário
INTRODUÇÃO 3

1. EDUCAÇÃO GREGA 5

2. A PEDAGOGIA GREGA 5

2.1. PERÍODO PRÉ-SOCRÁTICO 6

2.1.1. A educação espartana 7

2.1.2. Educação ateniense 7

2.2. PERÍODO SOCRÁTICO 8

2.2.1. Contribuição sofista 8

2.2.2. Contribuição socrática 9

2.2.3. Contribuição platônica 9

2.3. Período Pós-Socrático 10CONSIDERAÇÕES FINAIS 11

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 12

























1. EDUCAÇÃO GREGA



A Grécia antiga é marcada pela intelectualidade de seus habitantes. Sua participação na história antiga logo nos remete a duas áreas distintas do pensamento: A Mitologia e a Filosofia Grega.

Essas duas formas de pensamento originaram as discussões que formaram, através dos sofistas,que eram grupos que se reuniam para debater e refletir pensamentos, o primeiro tipo de ensino existente.




2. A PEDAGOGIA GREGA



O termo pedagogia é de origem grega e deriva da palavra paidagogos, nome dado aos escravos que conduziam as crianças à escola. Somente com o tempo, esse termo passa a ser utilizado para designar as reflexões feitas em torno da educação. Assim, a Grécia clássicapode ser considerada o berço da pedagogia, até porque é justamente na Grécia que tem início as primeiras reflexões acerca da ação pedagógica, reflexões que vão influenciar por séculos a educação e a cultura ocidental.

Na Grécia Clássica a razão autônoma se sobrepõe às explicações puramente religiosas e míticas. A inteligência crítica, o homem livre para pensar e formar os juízos a cercada sua realidade, preparado não para submeter-se ao destino, mas para influenciar e ser agente de transformação como cidadão, eis no que se resume a revolucionária concepção grega da educação e seus fins.

Dentro dessa nova mentalidade, surgem várias questões cuja reflexão visa enriquecer os fins da educação. Como por exemplo:

• O que é melhor ensinar?

• Como é melhor ensinar?Essas questões enriquecem as reflexões de vários filósofos e dão origem às dimensões tendenciosas. Para entendermos melhor é necessário fazermos a divisão clássica da filosofia grega, não esquecendo que o eixo central é Sócrates:

• Período pré-socrático (Século VII e VII A.C.); os filósofos das colônias gregas que iniciam o processo de separação entre a filosofia e o pensamento mítico.• Período socrático (Séculos V e IV A.C.) Sócrates, Platão e Aristóteles. Os sofistas são contemporâneos de Sócrates e alvos de suas críticas. Isócrates também é desse período.

• Período pós-socrático (Séculos III e II A.C.) época helenística, após a morte de Alexandre. Fazem parte ainda as correntes filosóficas mais famosas: o estoicismo e o epicurismo.




2.1. PERÍODO PRÉ-SOCRÁTICO...
tracking img