Escola controlista

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3302 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
ESCOLA CONTROLISTA

SÃO PAULO

2010
Sumário

INTRODUÇÃO 4
1 O QUE É E COMO SURGIU A ESCOLA CONTROLISTA? 5
2 QUEM FOI FÁBIO BESTA E EM QUE ELE CONTRIBUIU? 7
3 QUAIS ERAM OS OBJETIVOS DA ESCOLA CONTROLISTA PARA A ÁREA CONTÁBIL? 8
4 BREVE RESUMO DOS PERSONAGENS ENVOLVIDOS NA ESCOLA CONTROLISTA 9
4.1 Vittorio Lafieri 9
4.2 Carlo Ghidiglia 10
4.3 Pietro Rigobon 12
4.4 PietroD’Alvise 14
4.5 Benedeto Lorusso 15
CONCLUSÃO 16
REFERÊNCIAS BIBLIOGRAFICAS 17

INTRODUÇÃO

A contabilidade surgiu da necessidade do controle e de informação do homem sobre o seu patrimônio.

Com esta base, este trabalho foi desenvolvido com intuito de aprendermos sobre o pensamento contábil da Escola Controlista.

Buscamos descrever de forma simples e compreensiva asidéias da escola Controlista que surgiu na busca de uma visão cientifica.

Mencionamos informações pesquisadas sobre o surgimento, principais autores, em especial Fabio Besta sendo o principal personagem, e suas contribuições para a área contábil utilizadas até nos dias de hoje.

1 O QUE É E COMO SURGIU A ESCOLA CONTROLISTA?

A contabilidade mesmo sem os mecanismos modernosdisponibilizados no Novo Milênio se faz presente junto à sociedade há muitos anos antes de Cristo.

O seu desenvolvimento acompanha a evolução da civilização, cujo crescimento e progresso da humanidade faz com que se torne cada vez mais eficiente e fiel, mantendo sua principal função que é informar.

Através do Balanço Social as empresas passam a justificar seu objetivo social ecomprometimento com a sociedade, já que os dados apresentados envolvem Recursos Humanos, Valor Adicionado, e o Meio Ambiente.

O pensamento contábil teve inicio com o trabalho de Lucca Paccioli, e evoluiu com o surgimento de várias Escolas e muitas teorias.

Uma das escolas é a Controlista, também conhecida como Veneziana, em função de que as principais obras foram desenvolvidas nacidade de Veneza. Nesta escola, a contabilidade era vista como a Ciência do controle econômico.

O controle econômico, por sua vez, é composto de duas partes: registro contábil e constrição do trabalho econômico.

A escola Controlista surgiu no discurso de inauguração do Ano Acadêmico em Veneza, em 1880, feito pelo italiano Fábio Besta, que falava de debates que já haviam sidoprocessados em público, a fim de criar novas técnicas e métodos de estudos da Contabilidade.

Na visão dos controlistas, os balanços, as contas, os orçamentos, as demonstrações de resultados, etc., representavam uma forma de controle da riqueza dos organismos econômicos.

Os controlistas se preocupavam mais em saber o que significava a conta e qual a sua verdadeira expressão em meio dosestudos contábeis do que com a forma de apresentação da mesma conta, ou seja, preocupava-se com o conteúdo da conta, reagindo contra os demais postulados.

2 QUEM FOI FÁBIO BESTA E EM QUE ELE CONTRIBUIU?

Fabio Besta nasceu e, Teglio de Valentina, Lombardia, Itália, nasceu em 17 de janeiro de 1845, na época sua família era considerada nobre porém estava em condições precárias,graduou-se contador em 1868 pelo Instituto Técnico Comercial de Sondrio, podendo dedicar-se como professor na Escola Superio de Comércio de Veneza, localizada na Ca’Foscari.Em 1879, em Roma onde começou um discurso sobre os métodos de registro no primeiro Congresso de Contabilidade de Italiano, onde debateu ferozmente com Cerboni e Rossi (personalista), Besta defendeu o método tradicional deescrituração contábil com partidas dobradas. Em 1921 através de um decreto real, recebeu o titulo de professor mérito, transferiu-se para a cidade de Treviso de Sombrio, onde morreu em outubro de 1922 aos 77 anos de idade.

Seu conhecimento e árduo trabalho de pesquisas ajudou na contribuição para a contabilidade, iniciando-se assim escola controlista, que defendia que o principal objetivo da...
tracking img