Erros de enfermagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (500 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Erros de Enfermagem: Caso Tifanny / São Paulo.

[pic]
O estado de São Paulo registrou 250 erros de profissionais de enfermagem em 2010, com vinte mortes ou lesão definitiva. Os números são doConselho Regional de Enfermagem de São Paulo.
- As famílias devem perguntar aos enfermeiros sobre os procedimentos adotados com os pacientes. Mas algumas situações como a da menina Tiffany, que teveparte do dedo cortado, mostram a deficiência desses profissionais - diz o presidente do Conselho Regional de Enfermagem, Cláudio Alves.
O caso mais recente de erro foi o da menina Tiffany, de um ano,que teve parte do dedo mínimo da mão direita decepado cortada com uma tesoura por uma auxiliar de enfermagem no Hospital Geral do Mandaqui, na Zona Norte de São Paulo, neste domingo. A criança haviasido internada para tratar de uma
Quando a auxiliar de enfermagem, identificada como Maria de Fátima, retirava uma bandagem utilizada para imobilizar a mão da criança para que ela recebesse medicaçãointravenosa, cortou a ponta do dedo da menina. Os pais estavam do lado da enfermeira e disseram que ela se preocupou mais em limpar a tesoura com álcool, do que socorrer a menina. O caso está sendotratado pela polícia como lesão corporal culposa, em que não há intenção de ferir a vítima.
- Queremos justiça. Que ela não exerça mais a profissão nem com crianças ou adultos - diz a mãe da menina,Monica Luiza.
A funcionária depôs na polícia e disse que só usou a tesoura porque não conseguiu tirar a bandagem com a mão.
- Não é verdade. Ela não tentou tirar com a mão. Usou logo a tesoura - diza mãe.
A criança foi socorrida e levada ao centro cirúrgico do hospital e não houve possibilidade de reimplante de parte do dedo durante a cirurgia.
O pai da criança, David Jefferson, disse que aauxiliar cortou o esparadrapo e sentiu dificuldade. Quando ela forçou, acabou cortando o dedo da criança.
- É uma injustiça. Uma criança perfeita vai perguntar o que aconteceu no dedo. Diz o pai....
tracking img