Ergonomia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 100 (24871 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

INTRODUÇÃO.

13

1. INTRODUÇÃO

A Ergonomia partilha de seu “objetivo geral”, melhorar as condições específicas
do trabalho humano, seja qual for sua linha de atuação, estratégias ou métodos que
utiliza, é o homem no seu trabalho trabalhando, realizando sua tarefa cotidiana,
executando as suas atividades dodia-a-dia, COUTO, 1995.
A Ergonomia junto aos Desenhistas Industriais propõe mudanças, transformações e
inovações, partindo sempre de variáveis fisiológicas, psicológicas e cognitivas
humanas, seguindo critérios que privilegiam o ser humano.
No Brasil, é conhecido que a maioria dos Ergonomistas originam-se das Escolas de
Desenho Industrial, por onde esta especialidade foi introduzida no país. ODesign está
cada dia mais presente no cotidiano das pessoas não só como forma de atuação - que
já é milenar - mas também como o conceito (muitas vezes interpretado erroneamente) e
a palavra propriamente dita. Isto tudo eleva o Design ao status de profissão ascendente
e o seu profissional está deixando de ser um excluído ou substituído por Arquitetos,
Artistas Plásticos, Publicitários,Engenheiros e até simples micreiros. Atualmente, cada
vez mais, o mercado está exigindo a formação específica em Design para os
profissionais que trabalham nesta área.
A Ergonomia como área de conhecimento específico no país esta assumindo
uma grande independência, sua atuação é completar especialmente o Design em todas
suas relações, sejam elas relacionadas ao Produto ou Áreas Visuais eInformacionais

14

afins, pois o Ergonomista parte de uma realidade presente (o usuário) e busca adaptar
todo o universo físico construído a configuração da realidade.
Sua importância para o desenvolvimento de produtos e interfaces, promovida
através das informações conceituadas em toda sua amplitude, vem sendo reconhecida
com grande impacto fora do Design. Por tais razões caracterizou-se comodisciplina
regular dos cursos de Desenho Industrial no Brasil e, portanto, vem sendo ministrada
desde a implantação dos mesmos, figurando expressivamente em seus currículos,
motivo pelo qual mereceu uma atenção especial para que se buscasse, através de
pesquisa especifica, conhecer-se junto às Escolas Superiores de Desenho Industrial do
Estado de São Paulo a importância dada à Disciplina junto asgrades curriculares.

1.2. PROBLEM ATIZAÇÃO

Liminarmente uma questão se fez necessária:
Definir quais os objetivos da Disciplina de Ergonomia.
Para responder tal questionamento, através da ótica conceitual, pode-se afirmar que a
Ergonomia tem como objetivos a finalidade de estudar e analisar os parâmetros, as
limitações e as capacitações humanas envolvidas nas relações operador x objeto xusuário, assim como, os critérios para medida e avaliação do desempenho do sistema
homem x máquina x trabalho x ambiente.
Sabe-se, ainda, que a Ergonomia como disciplina, faz parte dos cursos de Projeto do
Produto e Programação Visual operando como uma das matérias do núcleo básico
15

comum dos Cursos de Design. Sua importância junto a tais cursos é vital, muito embora
existam aquelesque continuam a reduzir sua importância, comparando-a simplesmente
com a Antropometria, gerando o questionamento seguinte: - Seria a Ergonomia física?
Hoje, seu campo de atuação compreende, também, a Ergonomia Informacional, ou
seja, a interação homem-computador representada pela usabilidade de interfaces
computadorizadas.
Pode-se citar, ainda, a Ergonomia Espacial a qual trata do estudo deinteriores de
ambientes urbanos, adicionada ainda à Ergonomia do Produto que se encarrega de
estudar a usabilidade de produtos; Ergonomia de Produção e Automação, representada
pela informatização do trabalho envolvendo a movimentação manual dos matériais;
Ergonomia de Software, etc.
Observa-se que a Ergonomia hoje aparece como área de conhecimento fundamental
na formação do Design. Note-se...
tracking img