Ergonomia e acessibilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1004 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DE UBERABA
5120816 EVILYN KAROLINE DOS SANTOS CAMILO
5120518 GABRIELA MARCHENTE PACHECO
5123736 GERSON HENRIQUE PINHEIRO COSTA
5117869 IGOR FERREIRA NUNES
5119033 LUCIANA SANTARÉM BITTENCOURT REZENDE
5111587 WILSON CALIXTO SALOMÃO

ERGONOMIA E ACESSIBILIDADE

UBERLÂNDIA – MG
2012
1) INTRODUÇÃO E FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
Nos últimos anos, tem-se notado uma preocupaçãoprogressiva com as questões de portadores de deficiência física aos espaços, sejam eles de uso público ou não.
Ao projetar os espaços, deve-se pensar sempre nas condições de acessibilidade para estes usuários. Ao executar ou adaptar um projeto, devem ser levadas em conta as condições físicas destes, já que a cadeira de rodas, por exemplo, impõe limites aos seus usuários.
Desta forma, a seguir estãodispostos os padrões e critérios ditados pela Norma Brasileira NBR 9050/2004, que visam proporcionar às pessoas portadoras de deficiência física e aquelas com capacidade reduzida, condições adequadas e seguras de acessibilidade. Graças a instituição da lei federal 10098, todos os projetos arquitetônicos e urbanístico no Brasil devem obedecer a Norma de acessibilidade a edificação, mobiliário,espaços e equipamentos urbanos e também atender aos princípios de desenho universal, o que veio criar situações de inclusão social. Todavia ainda há muito que se fazer para que a NBR seja cumprida.
Esta Norma estabelece critérios e parâmetros técnicos a serem observados quando do projeto, construção, instalação e adaptação de edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos às condições deacessibilidade.

Figura 1: Acessibilidade

2) OBJETIVOS
Essa pesquisa tem como objetivo promover a acessibilidade urbana para uma das condições essenciais para assegurar a qualquer cidadão brasileiro o direito constitucional de ir e vir.
Embora a acessibilidade seja um tema que há algum tempo, tem ganhado destaque em estudos de planejamento e transporte em âmbito mundial, a maioria dascidades ainda não consegue garantir infraestrutura adequada a seus usuários, sendo assim necessário que o assunto seja mais e mais discutido.

3) JUSTIFICATIVA
Sendo observada a obrigação do engenheiro como um dos promotores do bem estar social de atender as necessidades dessas pessoas que possuem características que devem ser observadas e colocadas em primeiro plano na criação e execução deprojetos da construção civil. Varias são as situações de desconforto e humilhação pelas quais essas pessoas passam todos os dias em atividades que para a maioria ocorrem com tranqüilidade, observado que sua condição física não lhes permite ocupar os espaços normais sendo necessário garantir-lhe condições para que isso se torne normal para eles também, assegurando que eles possam executar suasatividades com a mesma dignidade das outras pessoas tendo seu espaço

4) DESENVOLVIMENTO

A indicação de acessibilidade às edificações, espaço, mobiliário e equipamento urbano deve ser feita por meio do Símbolo Internacional de Acesso. As cores usadas para este símbolo devem ter contrastes nítidos (preto sobre branco, branco sobre azul, etc.), possuir dimensões e localização adequadas parafacilitar a visualização. Quando instalado em paredes e/ou portas recomenda-se que fique 1,70m do piso. Esse é um dos pontos de maior importância das questões relativas à acessibilidade, é a utilização adequada de medidas especiais.
As portas possuem a necessidade de terem largura mínima de 0,80m e os comandos, como interruptores, situarem-se na faixa de altura entre 0,40m e 1,20m. Da mesma formatomadas não podem ser localizadas muito próximas ao chão, pois pessoas com deficiência física podem ter dificuldade para se abaixar.

As pias não podem ser apoiadas em gabinetes, que impedem a entrada de cadeiras de rodas, deixando longe o acesso à torneira. O espaço de circulação mínimo exige um círculo com diâmetro de 1,5 m, o que permite a rotação de 360° das cadeiras, e ao lado do vaso...
tracking img