Ergonomia do trabalhador

Páginas: 11 (2661 palavras) Publicado: 7 de novembro de 2012
UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU
CENTRO DE CIÊNCIAS DE SAÚDE
DEPARTAMENTO DE FISIOTERAPIA

















ERGONOMIA DO TRABALHOR
ESTUDO DE CASO







PATRICIA SCHUETZE

















BLUMENAU
2012
PATRICIA SCHUETZE












ERGONOMIA DO TRABALHADOR
ESTUDO DE CASO

Trabalho apresentado paraavaliação na disciplina de Fisioterapia Preventiva I do Curso de Fisioterapia do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Regional de Blumenau.


Prof. Jose Francisco Gontan Albiero












BLUMENAU
2012


SUMÁRIO



1 INTRODUÇÃO 2
2 ERGONOMIA 3
2.1 DEFINIÇÃO 3
2.2 CLASSIFICAÇÃO 3
2.3 NORMA REGULAMENTADORA 3
2.4 POSTURAADOTADA PELAS COSTUREIRAS..............................................................4
3 TRABALHADOR 5
3.1 anamnese 5
3.2 BURSITE SUBACROMIAL 7
3.3 diabetes 8
3.4 RUPTURA DO TENDÃO SUPRAESPINHOSO 8
4 RECOMENDAÇÕES 9
5 CONCLUSAO 10
6 REFERENCIAS....................................................................................................................11
1 INTRODUÇÃOErgonomia vem de duas palavras do grego, ERGO (trabalhos) e NOMOS (leis, normas e regras). Ou seja, Normas do trabalho, uma ciência que estuda, pesquisa e desenvolve “normas” para o trabalho, e visando assim também o bem estar, conforto e segurança do trabalhador. Na verdade unindo normas em prol do bem estar do trabalhador. E além de ter um lei regulamentadora para ser aplicada os princípiosergonômicos nas empresas, também é um modo de assegurar ao empregador uma condição de trabalho mais qualificada e sem tantas surpresas. Porque se o empregador aplica tais princípios ergonômicos na sua empresa ele não tem tantos acidentes de trabalhos, nem funcionários afastados por DORT. Acaba sendo uma parceria com o bem estar dos funcionários e um bom funcionamento da empresa, os dois lados saemganhando.


































2 ERGONOMIA


2.1 DEFINIÇÃO

Ergonomia ( ou fatores humanos) é a disciplina cientifica relacionada com a compreensão das interações entre seres humanos e outros elementos de um sistema e a profissão que aplica os princípios teóricos dados e métodos para o design a fim de otimizar o sistema de bem estar humano eglobal. ( Associação Internacional de Ergonomia)





2.2. CLASSIFICAÇÃO

De acordo com a Associação Internacional de Ergonomia existem também os domínios de especializações e ainda com todo o trabalho de equipe feito na Ergonomia cada vez vão surgindo mais métodos e mais estudos.E estes domínios de aplicações não são mutuamente exclusivos e evoluem constantemente. Novos são criadose antigos assumem novas perspectivas. Domínios de especialização representam competências mais profundas em atributos específicos:
• Ergonomia física: Esta mais preocupada com a anatomia, antropometria, características fisiológicas e biomecânicas que se relacionam com a atividade física. Incluindo postura de trabalho, manuseio de materiais, movimentos repetitivos, DORT, disposição, segurançae saúde.
• Ergonomia Cognitiva: Mais preocupada com processos mentais, como percepção, memória, raciocínio e resposta motora e como afetam nas interações entre seres humanos e outros elementos de um sistema.Incluindo carga de trabalho,tomada de decisão, desempenho especializado e interação humano-computador.
• Ergonomia Organizacional: Esta já se preocupa com sistemas sócios-tecnicos,estruturas organizacionais, políticas e processos. Incluindo comunicação, trabalho em equipe,trabalho cooperativo e gestão de qualidade.






2.3 NORMA REGULAMENTADORA


Tendo a Ergonomia também como Lei, e a Norma regulamentadora é a NR 17. E como dito no Ministério do Trabalho e Emprego a NR 17 diz:
• 17.1. Esta Norma Regulamentadora visa a estabelecer parâmetros que permitam...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Ergonomia: reflexões sobre as contribuições da ergonomia na vida e saúde do trabalhador
  • A ergonomia e seus reflexos na qualidade de vida e produtividade do trabalhador
  • Ergonomia e lesões por esforços repetitivos: em busca da qualidade de vida dos trabalhadores.
  • SAÚDE DO TRABALHADOR
  • Trabalhador
  • Trabalhador
  • trabalhador
  • trabalhadores

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!