Enzimas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6020 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Federal do Rio de Janeiro
Centro de Ciências da Saúde
Instituto de Bioquímica Médica
BQM101 – Bioquímica FF I


















Estudo Dirigido


ED2





























Rio de Janeiro, 02 de maio de 2012.

1 - As células vivas possuem biomoléculas altamente especializadas em determinadas funções celulares específicas.a) Quais as funções celulares principais do DNA, do RNA e das proteínas?

O DNA é responsável por armazenar toda a informação genética da célula, bem como de transmiti-la de uma célula-mãe para as células filhas. São as informações armazenadas no DNA que codificam tudo o que deverá ser sintetizado por um organismo ao longo de sua vida. O conjunto de todas as informações armazenadasno DNA, que estão sob a forma de genes, é denominado genoma.
Existem diferentes tipos de RNA. Os principais deles são os mensageiros (RNAm), os transportadores (RNAt) e os ribossomiais (RNAr). De uma forma geral, todos estão envolvidos na transformação da informação contida no DNA em proteína.
Os RNAm são cópias complementares de trechos do DNA que codificam os produtos que devemestar sendo sintetizados em um determinado instante. Assim, o conjunto de todo o RNAm presente em um organismo, o transcriptoma, é o conjunto de genes que estão sendo expressos em um dado instante. O RNAm é responsável por exportar para o citoplasma a informação contida no DNA, que fica restrito ao núcleo.
Os RNAt participam da tradução do RNAm em proteínas, mais especificamente atuando notransporte dos aminoácidos que serão inseridos no polipeptídeo nascente.
Os RNAr, juntamente com proteínas, formam os ribossomos, atuando diretamente no processo de tradução.
As proteínas são os executores de todo o comando dado pelo DNA. As proteínas participam das vias mais importantes do organismo, bem como da sua constituição como um todo.


b) Por que o DNA não faz tudo sozinho,já que ele contém todas as informações e "comanda" todo o metabolism?. Ou seja, por que ele precisa transformar suas informações em moléculas de proteínas?

O DNA é uma molécula que tende a ser inerte. Quanto menor a reatividade da molécula, menor é a chance de ela ter suas características alteradas por alguma reação química. Esta é uma característica interessante para a preservação dasinformações armazenadas pela molécula de DNA. Contudo, são estas informações que fazem com que um organismo funcione. Transferir estas informações para moléculas mais reativas e com características específicas para cada finalidade é uma boa forma de manter a informação genética segura e atender com eficiência as necessidades do organismo. Estas moléculas mais reativas e versáteis são as proteínas.Outro mecanismo de segurança contra danos a estas informações é aprisionar o DNA no núcleo. Porém, a maior parte das vias importantes ocorre no citoplasma. A produção de proteínas é mais uma vez a solução para o problema. Além de serem sintetizadas fora do núcleo, estas proteínas podem sofrer diversas modificações pós-traducionais que agirão no edereçamento para o local específico de suaatuação, bem como no seu funcionamento propriamente dito.
Além disso, as proteínas podem ser sintetizadas com inúmeras formas, características químicas e estruturais. Esta variabilidade é interessante, fazendo com que as proteínas possam ser empregadas para finalidades absolutamente diversas.



2 - O DNA é um polímero extremamente comprido e deve ser compactado para caber dentro do núcleocelular.


a) Como acontece a compactação do DNA no núcleo?

À medida que as células se preparam para dividir, a cromatina condensa-se e organiza-se em um número bem definido de cromossomos, específico para a espécie. A cromatina consiste de fibras que contêm proteína e DNA em massas aproximadamente iguais, mais uma pequena quantidade de RNA. O DNA na cromatina está fortemente...
tracking img