Entropia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2314 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
José Roberto Souza Oliveira












ENTROPIA










RONDONÓPOLIS - MT
ABRIL/2013

[pic]
UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO – UFMT
CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE RONDONÓPOLIS – CUR
INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E TECNOLÓGICAS – ICAT
CURSO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL – EAA
Docente: FLÁVIO DAMASCENO






ENTROPIA










RONDONÓPOLIS - MTABRIL/2013



Sumário
1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS 4
2 OBJETIVOS 5
2.1 OBJETIVOS GERAIS 5
2.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS 5
3 JUSTIFICATIVAS 6
4 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 7
4.1 DESIGUALDADE DE CLAUSIUS 9
5 DEFININDO A VARIAÇÃO DE ENTROPIA 10
6 OBTENDO VALORES DE ENTROPIA 11
7 UTILIZANDO EQUAÇÕES Tds 11
8 VARIAÇÃO DE ENTROPIA DE UM GÁS IDEAL 12
VARIAÇÃO PARA SUBSTÂNCIAS INCOMPRESSÍVEIS13
9 BALANÇO DE ENTROPIA 14
9.1 BALANÇO DE ENTROPIA PARA SISTEMAS FECHADOS 14
9.2 BALANÇO DE ENTROPIA PARA VOLUMES DE CONTROLE 15
10 CONCLUSÃO 17























1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS




Neste trabalho será mostrado que a análise de sistemas a partir da visão da Segunda Lei é convenientemente realizada em termos da propriedade entropia.Entropia, assim como energia, constitui conceito abstrato e devido a sua relevância estudaremos o seu importante papel nas análises termodinâmicas.


.



























































2 OBJETIVOS



2.1 OBJETIVOS GERAIS




O objetivo geral deste trabalho é apresentar a entropia a toda a turma, mostrandosua utilização em análises termodinâmicas e ilustrar a importancia a entropia no meio da Engenharia Agrícola e Ambiental.







2.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS




Através do estudo da entropia, almeja-se alcançar êxito ao entendimento do papel importante que a entropia exerce na termodinâmica em sistemas onde há irreversibilidades, visando diminuir ao máximo esta irreversibilidade, paraobtenção de melhores desempenhos.






































3 JUSTIFICATIVAS




Em termodinâmica aplicada à engenharia, é importante uma visão ampla sobre entropia, sabendo que a maioria dos processos industriais reais, são irreversíveis, desta forma o entendimento da entropia se torna imprescindível, para assim se obter uma melhor eficiêncianos processos.





Quanto menor a irreversibilidade, menor a desordem ocorrida no sistema, o que faz com que o processo atinja um melhor resultado.




















































4 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA




A entropia está relacionada com o número de configurações (ou arranjos) de mesma energia que um dadosistema pode assumir. A interpretação molecular da entropia sugere que, em uma situação puramente geométrica, quanto maior o número de configurações, maior a entropia. Por esta razão, a entropia é geralmente associada ao conceito subjetivo de desordem.


Um processo tende a dar-se de forma espontânea em único sentido. Por esses motivos, a entropia também é chamada de flecha do tempo.Valendo-se de dados históricos, registros datam que em meados de 1850, Rudolph Clausius descreveu o conceito de energia desperdiçada em termos de diferencias. William Gibbs, engenheiro químico, em 1876 concluiu que o conceito de energia disponível em um sistema termodinâmico pode ser obtido através da subtração da energia perdida (TΔS) da variação da energia total do sistema (C). James ClerkMaxwell e Max Planck desenvolveram estes conceitos posteriormente. Em 1877 o físico e professor austríaco nascido em Viena, Ludwing Boltzmann visualizou um método probabilístico para medir a entropia de um determinado numero de partículas de um gás ideal, na qual ele definiu que


S = k . ln Ω (eq. 1)


Onde S é a entropia, k a constante de Boltzmann...
tracking img