Enologia no brasil e no mundo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3064 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
CURSO DE HOTELARIA




CLARICE PINHEIRO NEVES
DENISE RAQUEL PEREIRA
IARLEM SOUSA SANTOS
JUDSON DEKSON FERREIRA DA SILVA
LUANA DE JESUS AMORIM E AMORIM
RAFAELA MATOS DE OLIVEIRA






ENOTURISMO: Brasil e Mundo












São Luís
2012


CLARICE PINHEIRO NEVES
DENISE RAQUEL PEREIRA
IARLEM SOUSA SANTOS
JUDSON DEKSON FERREIRA DASILVA
LUANA DE JESUS AMORIM E AMORIM
RAFAELA MATOS DE OLIVEIRA







ENOTURISMO: Brasil e Mundo




Pesquisa apresentada a disciplina Introdução a Enologia, ministrada pela professora Elza Galvão, aos alunos do curso de Hotelaria.







São Luís
2012
INTRODUÇÃO

O enoturismo, também conhecido como turismo do vinho, tem se destacado dentre as novas modalidadesturísticas consolidadas nas últimas décadas, além de movimentar a economia de muitos países, o turismo e o vinho, isolados ou associados, carregam grande significado simbólico e, nesse sentido, apresentam muitas características comuns.
No Brasil, à medida que a vitivinicultura nacional foi evoluindo em qualidade, o enoturismo começou a se propagar e, em várias regiões brasileiras produtorasde vinhos, já se registra fluxo de visitantes. Percebe-se, assim, um incremento no interesse das pessoas em relação ao vinho, sua elaboração, sua história, seu serviço, sua harmonização com a gastronomia e seu papel inserido na história da localidade produtora.
Esta pesquisa vem trazer uma visão ampla da atual situação do enoturismo no Brasil e em algumas regiões do mundo.A Equipe
















ENOTURISMO NO BRASIL

Sendo Turismo em um entendimento global, o fenômeno de deslocamento de pessoas, podendo ser classificado por vários critérios, entre eles a motivação pela qual o turista decide fazer turismo, tem-se segundo Hall, (2000, p.3) o conceito de enoturismo:
[...] é a atividade devisitar vinhedos, vinícolas, festivais de vinhos e exposição de uva para vinho com degustação e/ou experimentação de atributos da uva para vinho de região, estes são os primeiros fatores de motivação dos visitantes.
Portanto, em suma, enoturismo trata-se de uma forma específica de turismo que combina o conhecimento do mundo do vinho com o prazer de degusta-los, independente de sualocalização. Evidentemente mais do que apenas "beber" vinho, o enoturista aprecia paisagens, utiliza os equipamentos de gastronomia, hotelaria e diversão, além de comércio local e outras prestações de serviço. O enoturismo envolve o visitante na cultura, nos detalhes da bebida transformando em experiência de cinco sentidos, como expõe Valduga (2011).
[...] é o ver os vinhedos, ouvir ashistórias, sentir o perfume dos vinhos, provar as delícias da gastronomia, tocar nas garrafas e texturas.


No Brasil esta atividade vem crescendo e se consolidando cada vez mais, embora, comparada com outras regiões vinícolas do mundo é uma atividade recente, assim, dados estatísticos relacionados ao vinho e as uvas são ainda reduzidos e por uma série de razões, produz-se e consome-sepouco vinho. Entretanto, segundo a Aprovale (Associação dos Produtores de Vinhos Finos do Vale dos Vinhedos), no ano passado, cerca de 200 mil turistas passaram pelas vinícolas nacionais visto que em 2001, este número era de 45 mil visitantes ao ano, o que representa um crescimento de 345% em nove anos, um crescimento bastante significante uma vez que a principal característica do enoturista é acuriosidade.
O enoturismo no Brasil teve início com a Festa Nacional da Uva, na cidade de Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, em 1931. Contudo, a história do enoturismo no Brasil foi sendo criada a partir da visão dos empresários e da tradição gaúcha, e não influenciados pela tradição européia, como é de costume se pensar. Na verdade, não existiu nenhum projeto para criar o enoturismo no...
tracking img