Enigmas da cultura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 108 (26753 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de fevereiro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
iêncio do Homem, a Antropologia deixou-se contaminar pela excessiva fragmentação temática, produto do paradigma cartesiano que comanda o conhecimento contemporâneo. Esse modo de encarar o mundo incumbiu-se de separar a natureza da cultura, o real do imaginário, o sujeito do objeto, a cultura científica da cultura das humanidades. Os antropólogos terão de reconhecer que a ciência do século XXIterá que religar saberes dispersos e caminhar para um tipo transversal e polifônico de cognição, consumado pela implosão da disciplinaridade, da fragmentação e do relativismo. Não se trata de um retorno ao iluminismo, mas de uma tomada de posição contra a arrogância que o conhecimento parcelar impôs a todos nós. Enigmas da Cultura desvenda idéias de Claude LéviStrauss, Maurice Godelier e EdgarMorin. Não se trata de uma história linear da disciplina, mas de três constelações cognitivas que acreditam na possibilidade efetiva de que uma reforma do pensamento para a vida e para as idéias efetive-se para valer neste terceiro milênio.

316.7
ISBN 85-249-0942-0

€331 e ex1. 3 003429

)SSA ÉPOCA iCDRT€Z
HTORP

9l'788524»909429

€DITORfi

COR.

Coleção QUESTÕES DA NOSSA ÉPOCAVolume 99

Edgard de Assis Carvalho

Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) (Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil)

Carvalho, Edgard de Assis Enigmas da cultura / Edgard de Assis Carvalho. São Paulo, Cortez, 2003. - (Coleção Questões da Nossa Época ; v. 99} Bibliografia. ISBN 85-249-0942-0 l. Cultura 2. Godelier, Maurice, 1934- Crítica e interpretação 3. Lévi-Strauss, Claudc,1908- Crítica e interpretação 4. Morin, Edgard. 1921- Crítica e interpretação 5. Relativismo cultural l. Título. II. Série. CDD-306 índices para catálogo sistemático: 1. Cultura : Antropologia cultural; Sociologia 306

ENIGMAS DA CULTURA

QUESTÕES DA NOSSA ÉPOCA
Reg. 003429
CDRTeZ
€DITORO

ENIGMAS DA CULTURA Edgard de Assis Carvalho Capa: DAC Preparação de originais: El oi sã AragãoRevisão: Maria de Lourdes de Almeida Composição: Dany Editora Ltda. Coordenação editorial: Danilo A. Q. Morales

SUMÁRIO
Abertura — Contra o relativksmo Capítulo l A estrutura oculta; Claude Lévi-Strauss Capítulo 2 A materialidade aberta: Maurice Godelier Capítulo 3 A complexidade necessária: Edgar Morin i Referências bibliográficas 7

21

52

85 116

Nenhuma parte desta obra pode serreproduzida ou duplicada sem autorização expressa do autor e do editor. © 2003 by Autor Direitos para esta edição CORTEZ EDITORA Rua Bartira, 317 — Perdizes 05009-000 — São Paulo - SP Tel.: (11) 3864-0111 Fax: (11) 3864-4290 E-mail: cortez@cortezedilora.com.br www.cortezeditora.com.br Impresso no Brasil —julho de 2003

Biblioteca Setorial-CEFD

ABERTURA - CONTRA O RELATIVISMO

O movimentoprecede o pensamento. Provérbio tibetano O elhos do homem: o daimon. Heráclito Opiniões xe propagam dividindo; pensamentos, brotando. Karl Kraus Cada criatura traz duas almas consigo: uma que olha de dentro para fora, outra que olha de fora para dentro. Machado de Assis Ah! Esses falsos contrários! Guerra e paz! Razão e. paixão! Sujeito e objeto! Não existe nada disso. Friedrich Nietzsche A noçãode bifurcação encontra-se na base da idéia de acontecimento. Hya Prigogine

A Antropologia permanece até hoje tributária da diversidade cultural, do relativismo e da fragmentação temática. Classificada como filha do imperialismo, acusada de vinculação direta ou indireta à dominação colonial, polemizada por praticar uma expiação culposa acerca de sociedades sobre as quais o Ocidente despejou suavoracidade dominadora, a interpretação antropológica não consegue atingir um nível interpretativo consistente para a condição humana. A força do imprínting relativista é tamanha que os antropólogos se assemelham a colecionadores de exotismos, aparentemente contentes em descrever pedaços da cultura geralmente desprezados por sociólogos e politólogos. Para o relativismo, as culturas são unidades...
tracking img