Engenheiro civil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 52 (12776 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1

RISCOS GEOLÓGICOS E BARRAGENS DE ÁGUA D.H. STAPLEDON
Coffey &Partners Pty. Ltd., Engenheiros Consultores, Adelaide, South Australia Boletim da Sociedade Internacional de Geologia da Engenharia, No. 14, pgs.249-262, 1976

Sumário
Cerca de um por cento das 9.000 barragens de grande porte em operação em todo o mundo durante o período de 1900-1965 romperam e outros dois por cento sofreramacidentes sérios. Em mais de 50 por cento dos casos o dano pode ser relacionado a causas geológicas. Este artigo apresenta uma breve análise de nove projetos que foram seriamente afetados por incidentes relacionados a causas geológicas e obteve para cada projeto uma lista de fatores que são considerados como causas dos acidentes. É mostrado que um número significativo de incidentes ocorreu em razão defatores tecnológicos que eram desconhecidos ou entendidos inadequadamente por ocasião do projeto ou construção da obra. Concluiu-se que indubitavelmente existem ainda alguns fatores geotécnicos desconhecidos na engenharia do represamento de águas e que os projetos devem continuar a levar em conta esta situação. As outras causas são ligadas com a aplicação da ciência da geologia para a engenhariacivil. Para ultrapassar estas deficiências uma metodologia de investigação do local voltada aos objetivos é esboçada, na qual os métodos geológicos são aplicados em conjunto com os métodos de engenharia, tendo em vista obter respostas para as várias questões de engenharia. Estas questões são em geral relacionadas a possíveis mudanças no local da obra resultantes da construção e operação e, emparticular, a possíveis modos de ruptura. É tido como importante que os dados geológicos para projetos de represas de água sejam obtidos de uma maneira sistemática, e que os inputs geológicos sejam feitos por geólogos que, além de serem experientes, tenham bom conhecimento de engenharia. Este conhecimento pode ser obtido parcialmente em instituições de educação, mas sempre deve ser complementado com o quefor obtido da experiência obtida no trabalho próximo a engenheiros geotécnicos, bem como de projeto e construção de barragens, nos locais das obras.

Os vários tipos de riscos geológicos discutidos neste Simpósio incluem:     Terremotos Erupções Vulcânicas Deslizamentos de Terra Lavas

Cada um desses é um risco devido ao desprendimento repentino de uma grande quantidade de energia. Quando ohomem cria uma represa atrás de uma grande barragem, isto cria uma grande quantidade de energia potencial, e se a água é acidentalmente liberada, de modo repentino, isto representa um grande risco que foi criado pelo homem.

2

Estatísticas com incidentes oriundos de riscos envolvendo represas de água
Quão freqüentemente isto acontece? A Tabela 1 mostra dados publicados pelo ICOLD depois de umapesquisa mundial, conduzida durante os anos de 1965-1973 (Ref.1). A pesquisa mostrou que de um total de 9000 grandes barragens construídas durante o período de 1900 a 1965, um por cento rompeu sem chance de recuperação e outros dois por cento tiveram sérios problemas, mas estão operando satisfatoriamente no presente momento – estes são chamados de “ACIDENTES” ou “’QUASE-PERDAS”. Afortunadamente, nemtodos os rompimentos foram desastres que causaram perda de vidas ou materiais. A pesquisa mostra que mais da metade das rupturas ou acidentes podem ser ligadas a causas geológicas.
Tabela 1 Barragens com mais de 15m de altura , construídas entre 1900 e 1965 Quantidade de Barragens Percentual Total 9000 100 Acidentes 200 2 Rupturas 90 1

As estatísticas completas de 1965 até o presente não estãodisponíveis, mas existiram pelo menos duas rupturas de grandes barragens em 1976, a de Vestre Gausdal, na Noruega e a de Teton, nos Estados Unidos. Pode se considerar que os dados de rupturas da Tabela 1 são confiáveis, porque a maior parte das rupturas foram quase certamente tornadas públicas. No entanto, é possível que algumas organizações não admitam ou forneçam dados quanto a acidentes que...
tracking img