Engenharia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1112 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
AULA PRÁTICA No. 4 - RELATÓRIO INTERAÇÕES INTERMOLECULARES E SEUS EFEITOS NA SOLUBILIDADE ENTRE AS SUBSTÂNCIAS









Relatório do Curso de Graduação em Engenharia Mecânica apresentada a Universidade Vila Velha - UVV, como parte das exigências da Disciplina Química Experimental sob orientação da Professora Adriana Canal das Virgens.VILA VELHA
AGOSTO – 2012

Introdução:

  Solubilidade é a propriedade que uma substância tem de se dissolver espontaneamente em outra substância. A quantidade de uma substância eu se dissolve em outra depende de cada uma e das condições externas (pressão e temperatura), mas podem também depender de propriedades em comum entre as substâncias (polaridades).

Polaridade é acapacidade que as ligações possuem de atrair cargas elétricas, e o local onde ocorre este acúmulo denominamos de pólos, estes se classificam em pólos negativos ou positivos.

De acordo com os experimentos realizados no laboratório, mostraremos os resultados que foram obtidos.

Material Utilizado:

1. Tubos de Ensaio

2. Espátula

3. Pisseta

4. Pipeta Cilíndrica

5.Pipetador



Reagentes Utilizados:

1. Cloreto de Sódio

2. Água Deionizada

3. Etanol

4. Éter Etílico

5. Hexano

6. Tolueno (toluol)



7. T-butanol (terc-butílico)

8. N-butanol (n-butílico)

9. Iodo

10. Permanganato de Potássio

11. Gasolina


12.









Procedimentos Experimentais:

1. Verificação dasolubilidade (semelhanças) entre solventes.

a) Numeramos dois tubos de ensaios (1 e 2), adicionamos nos dois tubos, uma ponta de espátula de cloreto de sódio, em seguida adicionamos 2 mL de água no tubo 1 e 2 mL de etanol no tubo 2, agitamos.

Resultado: No tubo de ensaio 1 (Cloreto de Sódio + Água Deionizada), o Cloreto de Sódio foi parcialmente solúvel na água.

No tubo de ensaio2 (Cloreto de Sódio + Etanol), o Cloreto de Sódio não é solúvel no Etanol, depositando-se no fundo do tubo de ensaio.

b) Numeramos dois tubos de ensaios (3 e 4), adicionamos nos dois tubos, 2 mL de éter etílico, em seguida adicionamos 1 mL de água no tubo 3 e 1 mL de hexano no tubo 4, agitamos.

Resultado: No tubo de ensaio 3 (Éter Etílico + Água Deionizada), o Éter Etílico não semisturou com a água, com a água menos densa ficando na parte superior e o Éter Etílico na parte inferior do tudo de ensaio.

No tubo de ensaio 4 (Éter Etílico + Hexano), o Éter Etílico se misturou com Hexano, ficando com uma cor mais esbranquiçada no tudo de ensaio.

c) Numeramos dois tubos de ensaios (5 e 6), adicionamos nos dois tubos, 2 mL de tolueno (toluol), em seguidaadicionamos 1 mL de água no tubo 5 e 2 mL de hexano no tubo 6, agitamos.

Resultado: No tubo de ensaio 5 (Tolueno (toluol) + Água Deionizada), o Tolueno (toluol) não se misturou com a água, ficando o Tolueno (toluol) menos denso na parte superior do tubo de ensaio.

No tubo de ensaio 6 (Tolueno (toluol) + Hexano), o Tolueno (toluol) se misturou com Hexano.

d) Numeramos trêstubos de ensaios (7, 8 e 9), adicionamos nos três tubos, 1 mL de água deionizada, em seguida adicionamos 2 mL de etanol o tubo 7, 2 mL de t-butanol (terc-butílico) no tubo 8, 2 mL de n-butanol (n-butílico) no tubo 9, agitamos.

Resultado: No tubo de ensaio 7 (Água Deionizada + Etanol), a Água Deionizada se misturou com Etanol.

No tubo de ensaio 8 (Água Deionizada + t-butanol(terc-butílico)), a Água Deionizada se misturou com t-butanol (terc-butílico).

No tubo de ensaio 9 (Água Deionizada + n-butanol (n-butílico)), a Água Deionizada não se misturou com n-butanol (n-butílico).







2. Identificação das fases no sistema água-etanol-gasolina

a) Adicionamos em 3 tubos de ensaio 3 mL de água, numeramos de 1 a 3, no tubo 2 adicionamos uma...
tracking img