Engenharia civil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 55 (13529 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Concreto Protendido – Notas de Aula – Prof Glauco J. de O. Rodrigues

CONCRETO PROTENDIDO

Prof. Glauco José de Oliveira Rodrigues
Rev. 0 (09/10/2008)

1

2

Concreto Protendido – Notas de Aula – Prof Glauco J. de O. Rodrigues

Capítulo 1
INTRODUÇÃO
1.1 - Conceitos gerais
Concreto protendido pode ser definido como um concreto submetido a um estado
permanente de tensões internas,introduzidas por uma armadura previamente tracionada, que se
opõem, até limites desejados, às tensões provocadas por cargas externas.
A protensão pode ser introduzida, por exemplo, com o objetivo de eliminar as tensões de
tração provocadas pelas cargas externas, evitando a fissuração. O concreto pode portanto ser tratado
como um material elástico e linear desde que as tensões de compressãonão atinjam valores
elevados (< 0,5 fck ). Neste caso, a análise das tensões e deformações pode ser feita facilmente
empregando conceitos básicos da resistência dos materiais. Seja, por exemplo, a viga abaixo,
protendida com um cabo reto localizado a uma distância e (excentricidade) do eixo baricêntrico da
seção transvesal. Sendo:
P
M
I
A

= força de protensão
= momento fletor causado pelacarga q
= momento de inércia da seção transversal de concreto
= área da seção transversal de concreto

as tensões resultantes que atuam a uma distância y do cg da seção serão dadas por

σ =−

P Pey My
±
±
A
I
I

onde M é o momento causado pela carga não balanceada q.
q

c

cg
e

P

-P/A

Pec/I

-Mc/I

+

-P/A

P

+

-Pec/I

y

c

- P/A + Pec/I - Mc/I=

Mc/I

- P/A - Pec/I + Mc/I

Figura 1.1 – Tensões no estádio I numa viga protendida

3

Concreto Protendido – Notas de Aula – Prof Glauco J. de O. Rodrigues

P

P

cg
f
qb

l

Figura 1.2 – Carga equivalente exercida por um cabo parabólico numa viga protendida

Deve-se ressaltar que os conceitos apresentados acima só são válidos para peças no estado
não fissurado esujeitas a tensões de compressão não muito elevadas onde a relação tensãodeformação do concreto ainda pode ser considerada linear.

1.2 - Classificação
a) Concreto protendido com aderência inicial (Armadura de protensão pré-tracionada)
Aquele em que o estiramento da armadura de protensão é feito utilizando-se apoios
independentes da peça, antes do lançamento do concreto, sendo a ligação daarmadura de protensão
com os referidos apoios desfeita após o endurecimento do concreto; a ancoragem realiza-se apenas
por aderência.
b) Concreto protendido com aderência posterior (Armadura de protensão pós-tracionada)
Aquele em que o estiramento da armadura de protensão é feito após o endurecimento do
concreto, utilizando-se como apoios partes da própria peça, criando-se posteriormente aderênciacom o concreto de modo permanente.
c) Concreto protendido sem aderência (Armadura de protensão pós-tracionada)
Aquele obtido como em (b), porém sem a aderência com o concreto criada após o
estiramento.

1.3 - Sistemas e equipamentos de protensão
A protensão é um esforço aplicado a uma peça de concreto com a finalidade de anular ou
reduzir as tensões de tração, melhorando assim ocomportamernto da mesma (Fig. 1.3). Entre
vários processos de aplicação da protensão, o mais comum é por meio de cabos de aço, esticados e
ancorados no concreto.

P

Figura 1.3 - Exemplo de aplicação de uma força de protensão numa viga

4

Concreto Protendido – Notas de Aula – Prof Glauco J. de O. Rodrigues

1.3.1 - Métodos de aplicação da protensão com cabos de aço
a) Protensão mecânica
Aprotensão mecânica é aplicada através de macacos hidráulicos. Ela pode ser feita com a
armadura pré-tracionada ou pós-tracionada.
No caso da armadura pré-tracionada (Fig. 1.4), o cabo é esticado e ancorado em apoios
provisórios (Leito de protensão). Em seguida, a viga é concretada e, após o endurecimento do
concreto, o cabo é cortado. A transferência da força de protensão para a viga é feita...
tracking img