Enfermeira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2826 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-84842002000100002&lng=pt&nrm=iso

A Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia na coleção SciELO – Brasil

Milton A. Ruiz
A Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia foi inserida na base de dados da Scientific Electronic Library On-Line (SciELO) em outubro de 2001.
Esta conquista propicia o relato daevolução do veículo de divulgação da Sociedade Brasileira de Hematologia e Hemoterapia que se iniciou em 1973.
Até 1984 o Boletim foi um veículo de divulgação, transformando-se em seguida em revista científica. Em 1999 mudou de título, modernizou-se e passou a ser também o órgão oficial da Sociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea.
Para o entendimento da referida conquista foi realizado umhistórico sobre o Institute for Scientific Information (ISI), principal base de dados internacional, e a SciELO, base de dados nacional de recuperação de linha.
Ao final o autor apresenta uma reflexão sobre o futuro da RBHH e os caminhos que o periódico deve trilhar com a finalidade de aumentar a sua importância no meio científico.
Palavras-chave: Periódicos científicos, base de dados, SciELOIntrodução
Em reunião de 23 de outubro de 2001 no II Encontro do Comitê Consultivo da Scientific Eletronic Library On-Line (SciELO), a Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia (RBHH) foi indexada em sua base de dados (1). Na ocasião, após processo de avaliação de 102 periódicos, foram aprovados para inserção nesta base de dados 32% dos títulos analisados. Na área biológica dos 55 periódicosavaliados, somente 15 foram aprovados e dentre os mesmos a RBHH (1).
Esta conquista nos obriga a apresentar à comunidade hematológica um relato da evolução de nosso periódico científico, discutir sobre base de dados e refletir sobre o futuro e os caminhos que a revista deve trilhar para o seu progresso. Após este preâmbulo, considero relevante e pertinente um breve retorno ao passado com afinalidade de não esquecer os caminhos que levaram a RBHH até o ponto em que se encontra.
A RBHH é sucedânea do Boletim da Sociedade Brasileira de Hematologia (BSBHH), que circulou no período de 1973 a 1998. Em 1973, com o ressurgimento da Sociedade Brasileira de Hematologia e Hemoterapia (SBHH), foi criado O Boletim, que mensalmente passou a contar a história da hematologia e hemoterapia. Além dedivulgar as atividades da SBHH, o informativo exercia forte pressão política aos órgãos governamentais e tinha como linha mestra e política a defesa da especialidade.
O Boletim espelhou e divulgou em suas páginas, a luta da especialidade na implantação de vários programas nacionais e de interesse público, dentre eles o da doação voluntária e a proibição da remuneração ao doador de sangue, práticadisseminada então em nosso país. A partir de 1984, por orientação da diretoria da época, de veículo de divulgação O Boletim transformou-se em revista científica, passando então a ser denominado "Boletim da Sociedade Brasileira de Hematologia e Hemoterapia" (BSBHH), com International Standard Serial Number (ISSN) de 0102-7662 no cadastro do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia(IBICT).
Após dois anos de circulação, a revista foi indexada no antigo Index Médico Latino Americano (IMLA) e, posteriormente, também no Compact Disk Read Only Memory (CD rom) da Literatura Latino-Americana e do Caribe de Ciências da Saúde (LILACs) (2). O BSBHH esteve presente no meio científico até 1998 com 179 fascículos distribuídos em 20 volumes publicados (2).
Atendendo à necessidade deampliar os horizontes, o BSBHH, a pedido, foi avaliado e sofreu uma análise crítica de especialista no tema (3), recebendo sugestões de modificações. Dentre elas, sugestões em relação ao formato, conteúdo, divulgação, circulação e alertado sobre a ausência do periódico no acervo das principais bibliotecas institucionais do país. Assim, modificações no periódico científico foram sendo realizadas...
tracking img