Enfermagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (862 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INSTITUTO AFRO BRASILEIRO DE ENSINO SUPERIOR

FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES

FACULDADE DE DIREITO

















RESENHA DE “O PRÍNCIPE”




ISRAEL PEREIRA PINTOSão Paulo, SP

2013


ISRAEL PEREIRA PINTO












RESENHA DE “O PRÍNCIPE”




Resenha apresentada ao prof. Dr.

Alexandre comvistas à aprovação

na disciplina – 1º semestre, noturno,

do curso de Direito da Faculdade

Zumbi dos Palmares, Instituto

Afro Brasileiro de Ensino Superior.São Paulo, SP

2013

São Paulo

Abril de 2013

Maquiavel, N. O Príncipe. São Paulo. Penguim Companhia das Letras,2010.


Antes de iniciar a resenha, será necessário fazer umabreve contextualização do momento em que a obra foi escrita. Nicolau Maquiavel nasceu em 1469, em Florença e em 1498 entrou para a vida pública, quando foi nomeado secretário e segundo chanceler daRepública Florentina, no governo de Soderini. Na época em questão, os Estados italianos não eram unificados como hoje, e Florença se sobressaía como um dos grandes Reinos ao lado dos Estados Papais (doqual Roma fazia parte), do Reino de Nápoles e do Ducado de Milão. Maquiavel pôde viver com os mais importantes e influentes governantes de sua época, na Itália e no Norte: César Bórgia (duqueValentino), Luís XII da França,o sacro Imperador romano Maximiliano I, os Médici em Florença, entre outros e desta forma ser uma testemunha viva de todas estas modificações. Com o conhecimento acumulado ebaseado neste testemunho que a obra foi escrita, com o objetivo claro de guiar os Príncipes a agirem e comportarem-se da forma diligente para manterem-se no poder, segundo o tipo de Estado quegovernavam, levando-se em consideração a forma como alcançaram o poder.

Na obra, Maquiavel procura ponderar os episódios acontecidos ao longo da história e compará-los aos advindos ao seu tempo, o qual...
tracking img