Enfermagem em centro cirurgico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4985 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Enfermagem

Enfermagem em Centro Cirúrgico e CME (Módulo II)

_________________________________________________________________________________ ESSA – Escola da Saúde | Rua dos Jequitibás, 101 | Metrô Jabaquara| 5012-1020 | www.essa.g12.br 1

Enfermagem

Aula 01 – Definições
Centro Cirúrgico é um lugar especial dentro do hospital, convenientemente preparado segundo um conjunto derequisitos que o tornam apto à prática da cirurgia. "O centro cirúrgico é um setor do hospital onde se realizam intervenções cirúrgicas, visando atender a resolução de intercorrências cirúrgicas, por meio da ação de uma equipe integrada” (RIBEIRO; SOUZA 1997 p. 09). Nele são realizadas técnicas estéreis para garantir a segurança do cliente quanto ao controle de infecção. Por ser um local restrito, oacesso ao público é limitado, ficando restrito a circulação dos profissionais que lá atuam. Para efeito de controle asséptico, o Centro Cirúrgico divide-se em áreas, quais sejam: Área Irrestrita - os profissionais podem circular livremente por estas áreas com roupas próprias (secretaria, vestiário e corredor de entrada). Área Semi-restrita – aquela que permite a circulação de pessoal e de modo a nãointervir nas rotinas de controle e manutenção da assepsia da área restrita. (expurgo, sala de estar e sala de preparo de material). Área Restrita - além da roupa própria do centro cirúrgico, devem ser usadas máscaras e gorros conforme normas da unidade e as técnicas assépticas devem ser utilizadas de maneira rigorosa, a fim de diminuir os riscos de infecção (salas de cirurgias, lavabos, sala derecuperação pósanestésica, sala de depósito, e corredor interno). Pré-Operatório Esta fase tem início quando a intervenção cirúrgica é decidida e termina quando o cliente estiver na mesa de cirurgia. É nesta fase que se iniciam as orientações de um cuidadoso preparo de acordo com cada tipo de cirurgia. visando O objetivo da assistência é promover o melhor estado físico e psicológico do cliente,evitar complicações no período pós-operatório.

O conteúdo do ensino pré-operatório imediato deve incluir informações sobre, procedimentos para a preparação cirúrgica, a seqüência de eventos pela a qual o cliente será submetido, o tipo de incisão prevista, hora da cirurgia, medicação pré-anestésica, as expectativas quanto a participação do cliente, a função dos vários membros da equipe hospitalarcomo: cirurgiões, anestesistas, enfermeiros e o próprio cliente e a finalidade de diversos tipos de procedimentos pós-operatórios de rotina. Clínica Estas orientações devem ser fornecidas aos clientes pelo cirurgião, e/ou enfermeiro da Cirúrgica e/ou enfermeiro do Centro Cirúrgico.

_________________________________________________________________________________ ESSA – Escola da Saúde | Rua dosJequitibás, 101 | Metrô Jabaquara| 5012-1020 | www.essa.g12.br 2

Enfermagem
É importante na unidade de Clínica Cirúrgica o preenchimento completo do instrumento de “Controle de cuidados pré-operatório imediato”. Estes dados auxiliarão a equipe do Centro Cirúrgico a iniciarem a assistência, livre de riscos ao cliente. Atividades de Enfermagem: Informada o tipo e hora da cirurgia Assinado termode responsabilidade Preparada a região operatória Lavagem intestinal com bom efeito Está sem esmalte e/ou jóia Realizada higiene oral e corporal Jejum operatório Esvaziamento vesical Próteses e ou jóias identificadas e guardadas Camisola aberta Visita da anestesista realizado Administração de medicação pré-anestésica Rx e exames no prontuário Peso: KG: Altura: Cm: Sinais vitais Antes dopré-anestésico PA:___ P:___ R:___ T:___ 30` após o pré-anestésico PA:___ P:___ R:___ T:___ A utilização de medicação pré-anestésica tem como objetivo principal potencializar a indução anestésica, diminuir a ansiedade, e principalmente o medo que os clientes demonstram quando serão submetidos à intervenção cirúrgica. “Os medicamentos pré-anestésicos devem ser administrados de 45 a 75 minutos antes do...
tracking img