Energia solar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5344 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
ENERGIA SOLAR NA FRUTICULTURA IRRIGADA FAMILIAR1
Euzeli Cipriano dos Santos2, Lázaro Costa de Souza2, Jacob Silva Souto3 e José Bezerra de Araújo Filho4
Financiado pelo Banco do Nordeste EMEPA-PB. e-mail: santoseuzeli@ig.com.br; emepa@emepa. org.br, e-mail: lzr.costa@ig.com.br; emepa@emepa.org.br 3 CSTR/UFCG, 4 EMATER-PB
2 1

INTRODUÇÃO agricultura familiar desempenha um importante papel naeconomia e sociedade brasileiras. Ela representa 35% do total nacional, envolvendo 75% dos estabelecimentos, 25% das terras cultivadas e reunindo cerca de 14 milhões de pessoas. No entanto, a produção familiar somente é viável e rentável desde que se adotem tecnologias de forma racional e organizada que, comprovadamente, têm sido o melhor caminho para manter ou tornar os produtores familiarescompetitivos (Gastal et al., 1997) Atentas a esse segmento da agricultura brasileira, instituições governamentais vêm fomentando a adoção de novas tecnologias que possam ser utilizadas por esta classe de produtores e que estejam integradas à teoria do desenvolvimento sustentável, a exemplo da luz solar como fonte alternativa de energia utilizando-se sistemas solares fotovoltaicos no meio rural.Mundialmente, o uso da energia solar para a geração de eletricidade vem tomando impulsos e se popularizando cada vez mais em virtude de sua confiabilidade, versatilidade, durabilidade e baixo custo de operacionalização (Dieguez, 2001). O Brasil, que tem em torno de 95% de seu território na região intertropical do planeta e dimensões continentais, é considerado uma potência em energia solar,principalmente, o semi-árido nordestino, aonde esta fonte energética

A

natural vem possibilitando a integração de considerável população, antes isolada e/ou impossibilitada de usufruir de qualquer outra fonte de energia, aos benefícios da vida moderna (Antunes & Ries, 1998). Vários programas vêm sendo executados por meio de parcerias entre instituições públicas e privadas, sempre visando prover diversascomunidades da região em serviços básicos como: iluminação de casas, escolas, creches, abastecimento de água e, sobretudo, para o bombeamento de água na pequena irrigação de espécies frutíferas (Beneduce, 1999; IDER, 2003). Tendo em vista que o médio sertão paraibano sempre foi caracterizado pelo elevado potencial para uso da e n e rg i a s o l a r e , b a s e a d a e m metodologias queintegrassem conjuntamente os princípios de rentabilidade e não agressão ao meio ambiente, a Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária da Paraíba S.A. - Emepa desenvolveu unidades-piloto com energia solar (UPES) na pequena irrigação dos consórcios: bananeira x feijão e goiabeira x maracujazeiro x melão. Essas UPES's com frutíferas e seus consórcios têm despertado o interesse de produtores, uma vez que já apartir do terceiro ciclo de produção todos os custos de operacionalização e manutenção foram amortizados devido à inexistência de despesas com energia elétrica e versatilidade dos sistemas explorados, além do que no quarto ciclo apresentaram excelentes taxas de retorno econômico aos investimentos.

Esta alternativa tecnológica possibilita também o aproveitamento racional de poços amazonas etubulares com vazões superiores a 1.000 L.h-1 e de águas superficiais, destacando-se como um importante instrumento para a diversificação da oferta de energia limpa e renovável, bem como para a elevação da renda e do nível tecnológico de pequenos irrigantes no semi-árido paraibano. ENERGIA SOLAR E MÓDULOS FOTOVOLTAICO Energia solar Energia solar fotovoltaica é aquela obtida por meio da conversãodireta da luz em eletricidade, sendo a potência solar instantânea que incide em determinado ponto, medida em W.m-2 (potência/área) e o total desta energia em um dia que atinge este ponto em -2 -1 KWh.m .dia . No entanto, esta disponibilidade varia de acordo com as estações do ano (mínimo no inverno e máximo no verão) e com o clima do local (Beneduce, 1999; Galdino, 2003). A conversão de energia solar...
tracking img