Endividamento das industrias brasileiras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2176 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
TCD – ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA

OBJETIVO:
O trabalho teve como base de dados a publicação "Maiores e Melhores" ("Exame") dos últimos dez anos (nossa base de atuação). Tomou como amostra as três maiores empresas de cada um dos setores da indústria brasileira, segundo divisão da "Exame" de 1995.

JUSTIFICATIVA:
Voltamo-nos, ao longo do trabalho, principalmente, para a análisedos indicadores nacionais. Passaremos a verificar a evolução do endividamento das indústrias do Brasil nos últimos dez anos e analisar suas relações com outros dois índices das mesmas empresas (liquidez geral e retorno sobre patrimônio líquido). Uma primeira constatação, e talvez a mais importante deste trabalho, é a de que não existe praticamente correlação entre endividamento e retorno, o quecontraria um pouco nossa primeira expectativa, que seria demonstrar a relação entre risco (endividamento), e retomo (rentabilidade sobre patrimônio líquido) nas empresas brasileiras.

INTRODUÇÃO:
O trabalho realizado teve por objetivo básico descobrir a relação existente entre o nível de endividamento da empresa brasileira e o seu retomo sobre o investimento, ambos medidos a partir de dadoshistóricos das empresas.

DESENVOLVIMENTO:
RISCO: Possibilidade de perda. Quanto mais certo for o retorno de um ativo ou de uma carteira de ativos, menor sua variabilidade e, portanto, menor seu risco.
Ex: O depósito numa caderneta de poupança é menos arriscado que apostar em corridas de cavalo, pois a primeira rende juros constantes mais uma taxa de juros pôr ano e são garantidos pelo governofederal.
DIFERENÇA ENTRE RISCO E INCERTEZA: Está relacionada ao conhecimento das probabilidades ou chances de correrem certos resultados. O risco ocorre quando quem toma as decisões da aplicação de um ativo pode estimar as probabilidades relativas a vários resultados, com base em dados históricos, o que chamamos de distribuições probabilísticas objetivas. Quando não se tem dados históricos e precisafazer estimativas aceitáveis, ou seja, distribuições probabilísticas subjetivas, lidamos com a incerteza.
RETORNO ESPERADO: O que um indivíduo espera que uma ação possa proporcionar no próximo período. É apenas uma expectativa, já que o retorno efetivo poderá ser maior ou menor que o esperado. A expectativa de um indivíduo pode simplesmente ser o retorno médio que o título obteve no passadoRelação entre risco e retorno: o RETORNO SOBRE O INVESTIMENTO DEVE SER PROPORCIONAL AO RISCO ENVOLVIDO. RISCO É UMA MEDIDA DA VOLATILIDADE DOS RETORNOS E DOS RESULTADOS FUTUROS.
VOLATILIDADE: é a quantidade de flutuações que ocorrem com uma série de números quando eles se desviam de uma série representativa.
RISCO DE ATIVO INDIVIDUAL
Apesar de medir o risco de ativo individual da mesma maneira que orisco de uma carteira, é importante diferenciá-los, porque aqueles que mantém carteiras recebem alguns benefícios. A fim de sentir melhor o conceito de risco relativo a retornos esperados de um dado ativo, é útil avaliar risco pôr ambos os pontos de vista, quantitativo e comportamental.
ANÁLISE DE SENSIBILIDADE. Uma simples visão comportamental de risco é obtida usando-se a análise desensibilidade, que consiste em se considerar inúmeros resultados possíveis ao se avaliar um projeto. O procedimento básico é avaliar um ativo, usando-se inúmeras estimativas de possíveis retornos, para se ter uma percepção da variabilidade dos resultados. Uma das abordagens mais comuns é estimar os retornos mais pessimistas (piores), mais prováveis (esperados) e mais otimistas (melhores), relacionados a umativo. Neste caso, o risco do ativo será refletido pela faixa, que é a medida básica de risco. A faixa pode ser encontrada subtraindo-se o resultado pessimista do otimista. Quanto maior for a faixa para um dado ativo, maior é a variabilidade ou risco que ele deve possuir.
Exemplo. Uma determinada Companhia tenta escolher entre dois ativos, A e B, sendo que cada um deles requer um investimento...
tracking img