Empreendorismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3208 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Caso Iris Massa
Roger Kayasima, no final de 2000, havia acabado de aprender uma lição: não dava para transferir a uma filial o sucesso que tinha tido na matriz. Fechar a primeira e única filial de sua rotisseria havia sido uma decisão difícil, porque era dar um passo para trás. Era uma experiência nova e desagradável para um dekassegui que trabalhara até 14 horas por dia no Japão.
Havia sidouma grande ousadia para um nikkey (nome genérico de todo descendente de japoneses) assumir o controle de uma típica rotisseria italiana. A dedicação e a atenção com os detalhes fizeram com que o estabelecimento, agora sob a direção de falsos italianos com olhos puxados, não apenas mantivesse, como também ampliasse a freguesia herdada da antiga proprietária.
A idéia de crescer com a abertura de umafilial parecia a mais certa. Afinal, bastaria repetir as mesmas fórmulas de preparação e de administração que já eram praticadas no estabelecimento de Mogi das Cruzes (SP). O que poderia dar errado?
A realidade foi outra. As vendas não decolaram. Não havia outra saída: era necessário tomar uma decisão difícil. Menos de dois anos após a abertura da rotisseria em Suzano (SP), Roger cerrou as portasda filial, antes que os problemas contaminassem o ambiente da matriz, em Mogi. Roger estava desanimado. Precisava descobrir o que não havia funcionado, pelo menos para não repetir os mesmos erros. Sentia-se incapaz de, sozinho e sem orientação, mudar sua estratégia empresarial. Colocava em dúvida até mesmo a razão do sucesso. Se a filial, funcionando exatamente de acordo com os mesmos processosda matriz, não trouxera a ampliação esperada dos negócios, qual seria o caminho que deveria ser trilhado para o crescimento? Essa era uma questão que não saía de sua cabeça.

DE PROGRAMADOR A “ROTISSEIRO”
Roger Kayasima era o segundo filho de cinco homens, de mãe professora e pai funcionário público, ambos aposentados.
Começou a trabalhar aos 13 anos com o tio, na feira, vendendo plantasornamentais. Mais tarde, passou a ajudar sua mãe, que abriu uma loja de produtos importados do Paraguai.
A cidade onde sua família morava, Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo, recebeu forte influência da colonização japonesa. De cada 20 habitantes, um era descendente de japoneses.
Em 2008, tinha a quarta maior concentração de descendentes nipônicos no Brasil, logo atrás de São Paulo, Curitiba (PR) eLondrina (PR). Mogi das Cruzes era conhecida por fazer parte do chamado “cinturão verde”, responsável pelo abastecimento de grande parte dos legumes, verduras e frutas consumidos pela região metropolitana de São Paulo. Roger sentia orgulho dos pais, que conseguiram fazer com que todos os filhos terminassem um curso superior. Ele considerava sua mãe, Iris Kayasima, arrojada e empreendedora, além deuma fonte de inspiração. “A minha dedicação e o meu comprometimento na vida profissional são frutos da lição que recebi de minha mãe. Minha empresa pode fechar por qualquer motivo, menos por falta de garra”, disse ele.
Após se formar em Ciência da Computação e trabalhar durante três anos como programador, Roger desanimara-se com o seu futuro. As perspectivas profissionais pareciam limitadasdemais. Por isso, decidiu embarcar para o Japão como dekassegui em busca de capital para, no retorno ao Brasil, abrir um negócio próprio. O irmão mais novo, Wiliam, acompanhou-o.
Os irmãos Kayasima submeteram-se a trabalhos árduos, sujos e às vezes perigosos em linhas de produção de produtos eletrônicos, em fábricas de autopeças e em postos na construção civil. Trabalhavam até 14 horas por dia.Sempre juntos, Roger e Wiliam também tiveram durante um curto período alguma experiência no setor alimentício, na preparação de ben-tô, prato rápido com forte apelo visual vendido em lojas de conveniência.
No início, Roger, maravilhado com os produtos eletrônicos japoneses, gastava grande parte de seu salário em artigos eletrônicos e de informática. Quando viram muitos amigos voltando com uma boa...
tracking img