Emergencia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3693 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Biossegurança na assistência pré-hospitalar móvel: organização do trabalho da enfermagem sob a óptica da psicodinâmica

Biosecurity in pre-hospital mobile: the organization of nursing work from the viewpoint of psychodynamics

Bioseguridad enla asistencia pre-hospital móvil: organización del tabajo de enfermería desde la perspectiva depsicidinâmica

I Bárbara Alcantara de Souza de Almeida Silva
II Márcia Tereza Luz Lisboa

___________________________________________________
I Enfermeira. Mestre em enfermagem pela Escola de Enfermagem Anna Nery, da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Oficial do quadro de Saúde do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro. Endereço: Rua Amílcar de Castro, n° 150, Bl 2, Apt 404. Barrada Tijuca. CEP: 22.775.053. Rio de Janeiro/RJ. E-mail: barbaragse@gmail.com. Tel: (21) 2334-2225.

II Professora Associada do Departamento de Enfermagem Fundamental da Escola de Enfermagem Anna Nery/UFRJ. Doutora em enfermagem. E-mail: marcialis@terra.com.br

CONSIDERAÇÕES INICIAIS
Esta dissertação teve como objeto de estudo a influência da organização do trabalho na adoção das medidasde biossegurança pelos trabalhadores de enfermagem da Assistência Pré-hospitalar (APH) móvel. A APH móvel “é o atendimento de socorro que procura chegar precocemente à vítima, após ter ocorrido um agravo à saúde 1 [...]” . A organização do trabalho sob a ótica de Dejours 2 “é designada como a divisão do trabalho, o conteúdo da tarefa (na medida em que ele dela deriva), o sistema hierárquico, asmodalidades de comando, as relações de poder, as questões de responsabilidade etc.” .
A opção pela temática surgiu da experiência e vivência profissional como enfermeira do 1º Grupamento de Socorro de Emergência (1° GSE), do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ). No período, refleti que a organização do trabalho da APH móvel poderia estar relacionada com a adoção,ou não, das medidas de biossegurança pelos trabalhadores da enfermagem.
Percebi que algumas atitudes no trabalho real poderiam estar em desacordo com a literatura proposta (trabalho prescrito) no que tange as medidas de biossegurança. “A rapidez com que as condutas têm que ser tomadas, a confusão na cena e a pressão psicológica sobre os profissionais, possivelmente faz com que ajam algumasvezes 3, sem avaliar a situação ou tomar medidas de precaução necessárias”.
Ademais, os trabalhadores que atuam nos serviços de emergência 4 tendem a se expor mais aos fluidos corporais das vítimas, haja vista a natureza inesperada e imprevisível das atividades.
Tendo em vista a problemática exposta e as inquietações que emergiram durante a minha atuação na APH móvel, escolhi uma emespecial que mais me incomodava, tornando-se, então, o problema do estudo: Que fatores relacionados à organização do trabalho da APH móvel podem interferir na adoção das medidas de biossegurança pelos trabalhadores de enfermagem?
Foram traçados os seguintes objetivos: Descrever, na perspectiva dos trabalhadores, a organização do trabalho de enfermagem da APH móvel; Analisar as aproximações e osdistanciamentos entre o trabalho prescrito e o real com relação à adoção das medidas de biossegurança na APH Móvel; Discutir, à luz do referencial teórico da Psicodinâmica do Trabalho, de Christophe Dejours, a forma como a organização do trabalho pode interferir na adoção das medidas de biossegurança pelos trabalhadores de enfermagem da APH móvel.

A PSICODINÂMICA DO TRABALHO COMO REFERENCIALTEÓRICO
O referencial teórico escolhido está embasado no pensamento do médico psiquiatra e psicanalista Christophe Dejours, cujos pensamentos e ensinamentos sobre a as questões da organização do trabalho são bastante exploradas na área da saúde do trabalhador.
Partindo da premissa que a organização de trabalho no contexto destes trabalhadores tem potencializado os riscos à sua saúde...
tracking img