Embriologia arcos branquiais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2754 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Embriologia 27/03
Vamos mudar o foco, vamos sair dos nervos, vamos passar para o aparelho branquial também chamado aparelho faríngeo, que é uma estrutura embrionária transitória relacionada com formação de face e de pescoço. Vou ter que remeter umas coisas do sistema nervoso até porque a crista neural contribui bastante aqui. Mas já vamos mudar o enfoque e fica um pouquinho mais ‘facinho’ pravocês.
Como a estrutura é uma região transitória que só aparece ate a quarta semana, finalzinho da quarta semana talvez fique um pouco abstrato pra vocês, talvez aí encontrem dificuldade.
Concentrem-se na figura.

(mostrando figura) Aqui a cabecinha de um embrião que está virado pra lá. O que seria isso aqui? O olho. Aqui, nessa parte ventral vemos esses gominhos. Esses sãos os arcos braquiaisque são as principais estruturas do aparelho braquial. É o que conseguimos enxergar logo de cara, você olha ali e vê esses gominhos. É o que acaba caracterizando morfologicamente o aparelho braquial e o faríngeo. Esses são os arcos; os arcos braquiais que são esses gominhos na superfície. Repare que entre eles tem um espaço que os separa. Esses espaços são chamados de sulcos ou fendas; faríngeasou branquiais.
Então por fora, na superfície externa, o que conseguimos ver do aparelho faríngeo/branquial é isso: os arcos branquiais, que são grandinhos; os gominhos e os sulcos.
Se eu cortar esses embrião e olhar isso por dentro, aquele corte (na figura o do lado direito), um corte na altura da boca. A boquinha está escondidinha aqui atrás, mas é corte feito a partir da boca passando aquitá? Um corte que saiu assim. (quadro) Pegou uma fatia aqui. Um corte em diagonal e pegou uma fatia aqui deixando somente essa parte relacionada à parte dos arcos, e é isso que a gente tá vendo aqui: o assoalho da boquinha. A boca tá ali o corte pegou assim. Essa parte de cima foi tirada do desenho. Então imagina: (quadro) vou tirar a fatia aqui e vou olhar assim, então vou ver o assoalho da bocaaqui, o assoalho da faringe que está descendo aqui, certo? Imagina uma fatia saindo daqui e você vai olhar a fatia. É isso que a gente está vendo.
Então consigo ver isso aqui. O que são essas bolas? Os arcos. Vejam que eles estão aos pares. Sempre aos pares.
N superfície externa do embrião eu consigo ver quatro pares. Aqui dentro (figura acima do lado direito) vamos ter mais uma voltinha, eu nãovou conseguir ver exatamente um arco aqui por fora. Então eu tenho quatro arcos externos e um que é interno. Então 1º, 2º, 3º e 4º pares e aqui o sexto par. Porque o quinto começa a se formar ele regride e desaparece. Inicialmente seriam seis pares só que logo só ficam cinco, o quinto desaparece e sobra o sexto.
(Alguém pergunta algo) Tem quatro pares. Por fora estou vendo: 1, 2, 3, 4. O quintosumiu sobrou o sexto que a gente vê aqui. Por fora eu não consigo ver porque o arco está delimitado por sulcos, só que aqui eu já não tenho mais, porque o arquinho está só por dentro que é o sexto. O quinto começou a se formar lá no início e logo desapareceu.
Por fora, entre os arcos, nós temos os sulcos. E por dentro? Isso aqui é faringe primitiva, estamos vendo o assoalho aonde a língua vai seformar depois. Se a faringe é isso no primitivo, se é intestino primitivo, de qual folheto vamos estar falando? Endoderme. E vocês estão vendo que eu tenho aqui por dentro, separando um arco do outro, uma entradinha equivalente ao sulco? Sim. Então eu tenho um arco aqui e separando um arco do outro eu tenho o sulco que é formado por ectoderme que fica na superfície externa. Por dentro eu também vouter essa entradinha separando um arco do outro, só aqui é formada por endoderme. Nós vamos chamar essa entradinha de bolsa. Por fora é sulco ou fenda e por dentro bolsa; bolsa faríngea ou bolsa branquial.
(Alguém pergunta algo) O sulco é só ectoderme.
(Alguém pergunta algo) Aqui é o assoalho da faringe. Faringe é intestino primitivo. Lembra-se de intestino anterior, médio e posterior?...
tracking img