Elites e movimentos sociaos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2289 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
E-Folio-A EMS

[MARIA DO ROSÁRIO BAIROS FIGUEIREDO- Nº 1002342- T4]

As Elites Italianas no início do século XX, às elites contemporâneas dos EUA.
Conceitos - Chave: Elite de poder, oligarquia, partidos, lei de ferro, nova elite.

I A atual crise econômica aumentou a desigualdade social mundial agravada nas últimas décadas, este cenário ocorre em países desenvolvidos como os EUA, comorefere o texto, agravados na década de 70 decorrentes duma evolução tecnológica, da globalização, quebrando “a utopia da sociedade imutável”. (Bessa:2002:12) Nos EUA e no contexto pós guerra e “até o fim dos anos 90, essa desigualdade se estreitou devido a uma mistura de política tributária e fortalecimento do movimento trabalhista e dos programas de distribuição de renda."1 Emergindo mudanças,dinâmicas, revoluções figurando novos agentes denominados pelas elites. As elites apresentam-se segundo Pareto “ numa linha de clivagem social entre os mais aptos”(…) “ e os menos dotados” , (Bessa et al 1977:312) emergindo daqui classes de elites dos mais aptos dominando o poder nos vários setores da sociedade, que na minha opinião ainda persiste. Mas é as teorias defendidas por Mills as maispertinentes no estudo do sistema de poder vigente nos EUA. Baseado na relação existente entre “Elite e Massas”, este defende que o poder Americano está sustentado numa estrutura caracterizada pela existência de um oligopólio constituído pelas elites políticas, económicas e militares. Este conjunto de poderes nem sempre são equilibrados, dependendo da conjuntura, nos tempos da crise a elite militar assumia ocomando; nos tempos da bonança a elite financeira”. (Bessa:2002:28) Mills (1982) na sua obra “a elite do poder”, no debate pelos “sem poder” e os problemas da dominação política e da democracia defendeu ser fulcral colocar a verdade ao serviço dos dominados, uma política verdadeira contra as mentiras dos poderosos e dos meios de comunicação, que na minha opinião são dois fatores que persistem.Ainda, este legitimava que a sociedade americana era controlada por uma minoria poderosa em detrimento de uma maioria desprovida de poder. Esta "elite do poder" detém a capacidade para decidir a desenvolvimento das políticas públicas e avaliar o impacto das mesmas na vida dos cidadãos, sendo um agente de mudança primordial e no caso em apreço dos E.U.A. Assim, observando a teoria de Mills os EUA,após os ataques de 11 de Setembro o poderio militar americano passou a ser uma elite do poder, firmada pelo controle que estes passaram a estabelecer sobre os crescentes meios de violência, tornando-se inevitável o controle de muitas políticas passarem a ser decididas a partir de um ponto de vista militar. Além disso, grande parte da
1http://www1.folha.uol.com.br/fsp/mundo/17773-estados-unidos-vivenciam-pico-de-desigualdade-social.shtm

Abril/2013

Página 1

E-Folio-A EMS

[MARIA DO ROSÁRIO BAIROS FIGUEIREDO- Nº 1002342- T4]

atividade econômica norte-americana está relacionada à atividade militar, este grupo passou a constituir a elite do poder unificada. Em suma embora alguns defendam que a “ a moderna teoria do desenvolvimento, formulada e aprofundada por Rostow, atribui umpapel primordial às elites politicas” (Bessa et al:1977:306) este argumenta que “é indispensável uma equipa dinâmica e modernizadora, revolucionária e decidida a romper com os velhos quadros da vida quotidiana. Sem esse requisito não há descolagem” (Idem) E aquele que foi a terra de esperança dos Açorianos nos pós guerra, hoje vê desaparecer a classe média, porque os lóbis dos mais poderososmantém os privilégios e a hegemonia que “necessitam
2

solução



sejam

ou

não

afetados

pelas

políticas

públicas

do

governo.” (Rockman:1994) II Adriano Moreira define os partidos como “organizações que lutam pela aquisição, manutenção e exercício do Poder” (1979:171). Embora teóricos contemporâneos considerem ainda como “ entidades que possibilitam o pluralismo...
tracking img