Eletronica digital

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2317 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SENAI – JOÃO BAPTISTA SALLES DA SILVA
AMERICANA-SP

Portas Lógicas

Resumo:
Nestes experimentos, iremos estudar o comportamento das diferentes portas lógicas estudadas e testadas na oficina de eletrônica digital.

Resumo:
Nestes experimentos, iremos estudar o comportamento das diferentes portas lógicas estudadas e testadas na oficina de eletrônica digital.

Curso de AprendizagemIndustrial
Eletrônica Digital
Profº Sergio Gaurão

Sumário
Objetivo: 5
Introdução: 5
Normas: 5
Variável Lógica: 5
CI’s de Portas Lógicas (CMOS): 5
Praticas: 5
EXPERIÊNCIA 1 6
Objetivo: 6
Material Necessário: 6
Procedimento: 6
PARTE II 7
Procedimento: 7
EXPERIÊNCIA 2 8
Objetivo: 8
Material Necessário: 8
Procedimento: 8
PARTE II 9
Procedimento: 9
EXPERIÊNCIA 310
Objetivo: 10
Material Necessário: 10
Procedimento: 10
PARTE II 11
Procedimento: 11
EXPERIÊNCIA 4 12
Objetivo: 12
Material Necessário: 12
Procedimento: 12
PARTE II 13
Procedimento: 13
Objetivo: 14
Material Necessário: 14
Procedimento: 14
EXPERIÊNCIA 6 15
Objetivo: 15
Material Necessário: 15
Procedimento: 15
PARTE II 16
Procedimento: 16
EXPERIÊNCIA 7 17Objetivo: 17
Procedimento: 17
EXPERIÊNCIA 8 18
Objetivo: 18
Material Necessário: 18
Procedimento: 18
Conclusão 19

Objetivo:
Este relatório tem como objetivo propiciar o ensino sobre portas lógicas.
Possibilitando compreender montagem e funcionamento. Sobre os testes práticos já realizados.
Além de mostrar de como se obter diferentes portas lógicas através de combinações.Introdução:
As portas lógicas são os componentes básicos da eletrônica digital. Elas são usadas para criar circuitos digitais e até mesmo circuitos integrados complexos.

Normas:
As simbologias normalizadas utilizadas em eletrônica digital para representar as portas lógicas são conforme a norma ISA ou norma ABNT, como são mostradas a seguir

Assim como trabalhado em sala de aula, nas ilustraçõesdas práticas foram utilizadas simbologias da norma ASA.

Variável Lógica:
Podem assumir os níveis lógicos 1 ou 0 para representar as condições de uma variável booleana, sendo representadas por letras na construção de expressões lógicas.

CI’s de Portas Lógicas (CMOS):
AND (4081): OR (4071): NAND (4011): NOR (4001)

X OR (4077): X NOR (4070): INVERSOR (4069):


Praticas:
Nolaboratório de aulas práticas, formam testadas diversas portas lógicas, que estão contidas no roteiro a seguir, contendo da experiência 1 a (NÃO SEI)

EXPERIÊNCIA 1
28/07/2011

Objetivo:
* Testar Porta lógica AND.

Material Necessário:
* 1 Kit Eletrônica Digital
* 1 Protoboard
* 1 CI 4081
* 1 Resistor 3k9
* 1 Resistor 100 K
* 1 Resistor 470Ω (Utilizado 680 Ω)
*1 Led Vermelho
* 1 Transistor NPN-BC337
* Condutores

Procedimento:

Antes de iniciar qualquer atividade com os componentes foi necessário desenhar o circuito e colocar a numeração da pinagem correspondente. Ficando da seguinte forma:
Após a numeração ser conferida pelo professor e os componentes liberados realizamos a montagem no protoboard, como na ilustração abaixo

Naprotoboard, as entradas 1 e 2 estão ligadas ao nível lógico 0 que esta no negativo, no caso da AND conforme a tabela verdade quando entra 0 e 0 obtemos 0 na saída, pois a AND faz a multiplicação lógica, que é 1x0=0. Foram feitas as 4 possibilidades da AND de duas entradas.
Ao fim da experiência foi constatada e escrita no caderno a seguinte tabela verdade

PARTE II

Procedimento:

Ao finalizar oteste, implementamos um circuito de uma porta lógica AND de 3 entradas, utilizando portas lógicas AND’s de 2 entradas. Ficando da seguinte forma:
Após a numeração ser conferida pelo professor e os componentes liberados realizamos a montagem no protoboard, como na ilustração abaixo
Na protoboard, as entradas 1,2 e 5 estão ligadas ao nível lógico 0 que esta no negativo, no caso da AND conforme a...
tracking img