Elemento de maquinas - corrente

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 40 (9993 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
ÍNDICE

1. Introdução / objetivo...................................................................................................................4

2. Histórico......................................................................................................................................4

3. Aplicação decorrentes................................................................................................................5
3.1. Correntes de transmissão.............................................................................................7
3.1.1.Transmissão por corrente
3.1.2.Principais características das correntes
3.1.3. Componentes de uma Corrente de Transmissão
3.1.4. Tipos de Correntes de Transmissão
3.1.4.1. Correntes de rolo
3.1.4.2. Correntes debucha
3.1.4.3. Correntes de dentes
3.1.4.4. Correntes de elos livres
3.1.5. Dimensionamento das Transmissões por Corrente
3.1.5.1. Relação de Transmissão
3.1.5.2. Numero de dentes da coroa e do pinhão
3.1.5.3. Passo da Corrente (t)
3.1.5.4. Velocidade Periférica da Corrente
3.1.5.5. Carga Tangencial da Corrente
3.1.5.6. Carga Máxima na Corrente
3.1.5.7. Verificação da Distânciaentre os Centros
3.1.5.8. Número de Elos da Corrente
3.1.5.9. Comprimento da Corrente
3.1.5.10. Carga no Eixo de Árvore
3.1.6. Defeitos típicos e suas causas
3.1.7. Manutenção
3.2. Correntes automotivas (para pneu)...........................................................................................26
3.2.1. Áreas de Aplicação
3.2.2. Tipos de Sistemas de Correntes para pneus3.2.3. Configuração de malhas que proporcionam proteção, proteção + tração, tração
3.2.4. Tabelas de correntes segundo as medidas do pneu
3.3. Correntes para navios................................................................................................................33
3.3.1. Descrição dos componentes
3.3.2. Classificação das amarras
3.3.3. Precauções no manuseio3.3.4. Principais defeitos e conseqüências
3.3.4.1. Elo sem Malhete
3.3.4.2. Malhetes Soltos
3.3.4.3. Elos Empenados
3.3.4.4. Corrosão
3.3.4.5. Perda de Material
3.3.4.6. Trincas
3.3.5. Recuperação de amarras
3.3.6. Novos Produtos
3.3.6.1. Amarras Sem Manilha
3.3.6.2. Funções Comparativas
3.3.6.3. Amarras VGW
3.3.6.4. Estudos de Casos
3.3.6.5. Necessidade deNormalização
3.4. Correntes de elevação, movimentação e transporte de carga......................................................51
3.4.1. Alguns Sistemas de Elevação de Cargas
3.4.2. Amarração de cargas
3.4.2.1. Amarração Vertical
3.4.2.2. Amarração Diagonal
3.4.3. Recomendações e Restrições de Uso
3.4.4. Inspeções de Correntes

4. Fabricantes e Fornecedores nacionais einternacionais......................................................................................56

5. Conclusão ..........................................................................................................................................................56

6.Bibliografia.........................................................................................................................................................56

1.Introdução

O presente trabalho tem o objetivo de informar sobre tipos e definições de correntes e suas características gerais. O trabalho foi dividido em quatro partes distintas: correntes de transmissão, correntes automotivas, correntes para navios e correntes de elevação, movimentação e transporte de carga cada uma responsável pelas explicações necessáriasreferentes ao entendimento do assunto. Este trabalho mostra como começou a fabricação de correntes e como é essa fabricação atualmente, alguns tipos de correntes, suas aplicações e dimensionamento dentro de padrões internacionais de fabricação e controle de qualidade.

2. Histórico da corrente

A história não consegue definir com precisão quem foi o inventor da corrente, mas segundo alguns...
tracking img