Educação

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4646 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de janeiro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
CONCEPÇÕES EPISTEMOLÓGICAS VEICULADAS PELOS PCNS NA ÁREA DE CIÊNCIAS NATURAIS DE 5º A 8º SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL

Mariléia Barboza Goulart
Profa. Anelise Grunfeld de Luca
Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI
Licenciatura em Pedagogia (PED-3941) – Metodologia e Conteúdos Básicos de Ciências Naturais
17-02-09

RESUMO

Este artigo tem como objetivo analisar asconcepções epistemológicas veiculadas pelos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNS) na área de Ciências Naturais de quinta a oitava séries do ensino fundamental. Mostramos a falta de comprometimento dos PCNS em tomar uma posição frente aos referenciais teóricos atuais para a epistemologia e a filosofia da Ciência reconhecidos pela área de pesquisa em ensino de Ciências. Concluímos que essa carência dereferenciais teóricos acaba induzindo os professores a uma visão empirista-indutivista de produção de conhecimento ainda predominante no ensino de Ciências. A análise é feita a partir do livro de introdução aos Parâmetros Curriculares Nacionais e anexos da área de Ciências Naturais de quinta a oitava séries do ensino fundamental

Palavras-chave: PCNs, Ciências Naturais, Eixos Temáticos

1INTRODUÇÃO

Com a lei federal n.º 9394 de 1996 - a LDB ( Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional) conhecida como Lei Darcy Ribeiro - fica determinado como competência da União estabelecer, junto aos estados e municípios, diretrizes que orientem os currículos e seus devidos saberes, de forma a garantir uma formação básica comum a todos.

Com o intuito de mostrar umcomprometimento, por parte do governo, na superação dos problemas e dificuldades em termos educacionais, foram elaborados os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) para o ensino fundamental (Brasil, 1998), que têm como principal finalidade apresentar as linhas norteadoras para
a (re)orientação curricular.

A concepção de currículo apresentada pelos PCNs propõe uma organizaçãocurricular onde o conhecimento é desenvolvido por áreas interligadas através de temas transversais. A escolha do termo “área” tem, como objetivo principal, introduzir a idéia da integração do conhecimento das diferentes disciplinas. A proposta da organização curricular por área é o caminho sugerido pelos PCNs para a realização de trabalhos interdisciplinares. Para cada área de conhecimento,existe um documento específico que apresenta uma proposição detalhada em objetivos, conteúdos, avaliações e orientações didáticas.

Os objetivos gerais do ensino fundamental assim como os específicos de cada área, estão organizados em quatro ciclos, sendo que cada ciclo corresponde a duas séries do ensino fundamental. A proposta de trabalhos por ciclos tem como objetivo evitar aexcessiva fragmentação do conhecimento e tornar possível uma abordagem mais complexa e integradora das disciplinas (Brasil, 1998). No ensino fundamental, o currículo passa a ser desenvolvido por áreas que se organizam da seguinte forma: Língua Portuguesa, Matemática, Ciências Naturais, História, Geografia, Artes, Educação Física e Língua Estrangeira.

Os saberes quecompõem cada área são escolhidas de acordo com a afinidade entre eles, de forma que seja possível um trabalho interdisciplinar dos conteúdos. A área de Ciências Naturais é composta pelos conhecimentos de Física, Química e Biologia. A base da proposta é interligar as áreas de conhecimentos através de um conjunto de assuntos chamados temas transversais. Os temas formam um conjunto articulado que possuiobjetivos e conteúdos coincidentes muito próximos entre eles. Os temas transversais são elaborados de modo a ampliar a possibilidade de realização dos PCNs e são o elo entre as disciplinas da grade curricular. Eles não possuem a mesma natureza das áreas de conhecimentos convencionais. Para a escolha desses temas transversais, alguns critérios foram estabelecidos visando sempre questões...
tracking img