Educação para todos , qualidade ou quantidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3378 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Educação Para Todos: Qualidade ou quantidade.

Karla Helena Bastos dos Santos
UFMS

Resumo: O presente trabalho tem por objetivo apresentar a relação entre a educação e sua intima ligação ao processo histórico social, ressaltar que a educação com o passar dos anos foi se adaptando e se moldando de acordo com as demandas sociais do século, ou seja, as idéias pedagógicas do e no Brasil não semodificam e não ocorrem por acaso, tratam-se de um processo extremamente necessário para se responder às exigências da época, é preciso mudar a escola para que esta possa intervir na mudança da sociedade. Buscando entender neste pressuposto histórico o advento da escola de massas, que deveria se dar na forma de educação de qualidade para todos, e que na atualidade não esta preparada para todos emuito menos atendendo satisfatoriamente necessidades básicas da educação.

Palavras Chave: Função escolar – Manutenção – Transformação.

Introdução.

O presente trabalho institui-se objeto final a avaliação da disciplina Fundamentos Histórico-Filosóficos da educação, oferecida pelo Programa de Pós – Graduação do Mestrado em Educação, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul /Campus do Pantanal – Corumbá/MS.
Através do referencial teórico estudado pode-se observar que segundo Savianni (2007) as idéias pedagógicas do Brasil, acompanham as mudanças sociais ocorridas em cada época, e funcionam de acordo com o processo histórico, político econômico e social.
Faremos uma apresentação sobre os acontecimentos que foram marcos na transformação educacional no Brasil,bem como suas bases em elucidar o entendimento de todas as transformações ocorridas para que tenhamos a concepção da escola tal como a encontramos na atualidade. Trata-se de um processo histórico em que acontecimentos se dão de acordo com a demanda social e com o período que esta sendo vivenciado.
Para dar conta de tal objetivo o trabalho se apresentara em dois momentos: o primeiro umabreve apresentação histórica da educação no Brasil, da inexistência da pedagogia e de instituições, ao caminho da educação institucionalizada e objetivada; e num segundo momento a concepção de escola nova, onde conheceremos seus principais defensores, bem como sua culminância através do Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova em 1932, um marco do pensamento educacional brasileiro, que vinha em contraposição a escola tradicional e em defesa da escola nova pautado num ensino mais democrático, gratuito e obrigatório de acesso a indivíduos de todos os grupos sociais,

A Educação no Brasil.

A história da educação no país teve inicio ainda em período colonial quando os Jesuítas aqui chegaram e claro representavam a nobreza e o clero, eram, portanto a força dominante, que tinhamcomo objetivo segundo Saviani (2008), o monopólio sobre vertente religiosa através da companhia de Jesus, em 1534, liderada pelo espanhol santo Inácio de Loyola, um braço da contra reforma, que alem da intenção educativa professada, um esforço católico em contraposição a força protestante, ou seja, era educação pela catequese a serviço da colonização.
Mas vale lembrar que a educação jáexistia em moldes primitivos, segundo Ponce (1998), um comunismo tribal como origem pré-histórica de todos os povos conhecidos, que viviam em coletividade, com propriedade comum da terra, indivíduos livres, com pequeno desenvolvimento de instrumentos, produção somente de subsistência e sem característica capitalista, ou seja, sem a acumulação de bens, a mulher o homem e a criança, viviam em igualdade, aeducação era exercia de forma espontânea na sociedade com a linguagem e a moral, com o passar dos tempos essas necessidades primitivas também são transformadas dando lugar a uma precoce divisão de trabalho de acordo com as diferenças existentes entre sexos, porem, sem nenhuma submissão por parte da mulher, vale lembrar que homens e mulheres viviam ainda em pé de igualdade.
A educação dos...
tracking img