Educação infantil: a importância dos primeiros anos na vida escolar da criança

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 6 (1251 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 16 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Educação Infantil: A importância dos primeiros anos na vida escolar da criança

Entre as inúmeras inquietações que nos acompanham no espaço acadêmico, estão àquelas relativas à efetiva contribuição que podemos oferecer aos nossos alunos. Que conteúdos devem ser explorados? Quais as estratégias mais adequadas para trabalhar os conteúdos? Como oferecer situações de aprendizagem que assegurem umaproveitamento efetivo dos temas desenvolvidos? Como avaliar com mais competência o desempenho dos alunos? Como assegurar a articulação entre teoria e prática? Como acentuar os vínculos com a escola? Essas são algumas das questões com as quais nós educadores nos deparamos ao longo de nossa vida acadêmica e profissional.
Muitas são as transformações pelas quais a educação vem passando. À medidaque a humanidade evolui, novas tecnologias e estudos científicos propiciam o desenvolvimento de pesquisas que possibilitam inúmeras descobertas nos mais diversos campos sociais. A educação como um todo, desde suas formas de ensino até a real assimilação de conteúdos por parte dos discentes tem tido especial atenção de profissionais das mais diversas áreas de conhecimento: Antropologia, História,Filosofia, Sociologia, Psicologia e Pedagogia. A Educação Infantil tem sido ponto chave no desenvolvimento de pesquisas neste foco. Uma vez que o conceito de que os primeiros anos na escola são apenas para “brincar” vem sendo apropriadamente substituído pela importância cada vez mais nítida da Educação Infantil na formação inicial do indivíduo. "Os primeiros anos de vida são verdadeiramente deeducação. A construção da inteligência, a aquisição da aprendizagem, habilidades, valores e atitudes são desenvolvidos nesta fase e valem por toda a vida", explica a professora Maria Irene.
Atualmente o mundo vem despertando para a importância da Educação Infantil que até pouco tempo atrás era tida como de menor importância. Hoje, sabemos que a estimulação precoce das crianças contribui e muito para oseu aprendizado futuro. Desenvolve suas capacidades motoras, afetivas e de relacionamento social. O contato das crianças com os educadores transforma-se em relações de aprendizado.
Uma outra concepção é o desenvolvimento da autonomia, considerando, no processo de aprendizagem, que a criança tem interesses e desejos próprios e que é um ser capaz de interferir no meio em que vive. Entender a funçãode brincar no processo educativo é conduzir a criança, ludicamente, para suas descobertas cognitivas, afetivas, de relação interpessoal, de inserção social. A brincadeira leva a criança ao conhecimento da língua oral, escrita, e da matemática.
A educação infantil tem-se revelado primordial para uma aprendizagem efetiva. Ela socializa, desenvolve habilidades, melhora o desempenho escolar futuro,propiciando à criança resultados superiores ao chegar ao ensino fundamental, é o verdadeiro alicerce da aprendizagem, aquela  que deixa a criança pronta para aprender.
Pesquisas científicas sobre desenvolvimento infantil deixam evidente a real importância dos primeiros anos de vida para o desenvolvimento físico, cognitivo, afetivo e social dos seres humanos. A educação infantil tem um papelfundamental na formação do indivíduo e reflete em uma melhora significativa no aprendizado da criança.
Mas qual posicionamento adotar mediante tamanha responsabilidade no ensino dos primeiros conceitos para a formação de um cidadão crítico, reflexivo e atuante na sociedade?
A Ciência já provou através de inúmeras pesquisas que cada individuo possui habilidades e competências únicas que, seestimuladas apropriadamente tendo como base um projeto sistemático que revele e lapide suas inclinações potenciais, este virá a exercer com maior plenitude seu papel de cidadão ativo dentro de uma sociedade. A este conjunto de competências foi dado o nome de Inteligências Múltiplas.
Anteriormente acreditava-se que a criança fosse produto exclusivamente de suas heranças genéticas e culturais. Por...
tracking img