Edp concorrencia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2949 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Índice

Introdução 1
Concorrência Pura/Perfeita 2
Concorrência Monopolística 2
Oligopólio 3
Monopólio 3
Análise da Empresa EDP 4
Monopólio da EDP 8
Oligopólio da EDP 9
Conclusão/Bibliografia 12



Introdução

“ Estrutura de mercado – é o conjunto de características de uma indústria que afectam directamente asdecisões de preço/quantidade de produção das empresas.”

A organização dos mercados irá ser retratada através de algumas características tais como, o tamanho das empresas, a diferenciação dos produtos da empresa e se existem ou não barreiras à entrada de novas empresas nesses mercados.
As características no mercado de bens e serviços serão explicadas e estas são:
- Concorrência pura/perfeita;Concorrência monopolista; Oligopólio e Monopólio.
Existem diversos modelos sobre o comportamento de cada empresa na atribuição de preços a cada um dos seus produtos. O objectivo de cada empresa passa por maximizar os lucros e a sua participação no mercado. Para ocorrer é necessário saber se o mercado é competitivo e se muitas empresas produzem os mesmos produtos.
Após as definições de estruturas demercado, a EDP será alvo de estudo e o tipo de estrutura aplicada a esta empresa no mercado português.

Existem quatro modelos de estrutura de mercado. Uma breve análise a cada um deles será feita por ordem decrescente de competição no mercado.

Concorrência pura/perfeita
Os economistas desenvolveram a teria da concorrência perfeita. Através de quatro condições consegue-se definir a existência deum mercado perfeitamente concorrencial.
1. As empresas vendem um produto padronizado. Num mercado com muita concorrência, o produto vendido por uma empresa é assumido como um substituto perfeito do produto vendido por outra empresa concorrente.
2. As empresas são aceitantes do preço. Uma empresa individual considera dado o preço de mercado do produto, ou seja, deve acreditar que o preço demercado não será afectado pela quantidade que produza.
3. Os factores de produção são perfeitamente móveis a longo prazo. Uma empresa quando se apercebe de uma oportunidade para um negócio rentável numa determinada altura e local, será capaz de contratar os factores de produção que necessita, de forma a aproveitá-la.
4. As empresas e os consumidores têm informação perfeita. O acesso à informação hojeem dia é muito facilitado, o que permite efectuar escolhas sem grande dificuldade.

Concorrência monopolística
Numa indústria com grande número de produtores que, livremente, podem entrar e sair da mesma, e em que cada produtor vende um produto que difere um pouco dos vendidos pela concorrência, pode-se dizer que o produto é diferenciado.
A concorrência monopolística descreve uma situaçãosemelhante à concorrência perfeita, em que apenas o facto de vender um produto um pouco diferente dos da concorrência. A procura em concorrência perfeita é perfeitamente elástica, pois as empresas dão por aceites os preços, enquanto que na concorrência monopolística já não existe o cenário de uma procura perfeitamente elástica, porque se a empresa aumentar os preços do produto, diminuirá o seu volumede negócio em favor dos seus concorrentes, mas nunca irá perder todos os seus clientes em virtude desta situação.
Aí, prevalecerá, o gosto do cliente, mesmo tendo o produto subido ligeiramente o seu preço. (quanto menos diferenciado for o produto do dos seus competidores, maior será a elasticidade da curva)

Figura 1. Cenário na concorrência monopolística

Oligopólio
A concorrência entrepoucas empresas define este modelo.
Num mercado em que as empresas dominantes têm o poder de fixar os preços de venda, os consumidores têm um baixo poder de reacção a qualquer alteração de preço.
Neste tipo de estrutura, a entrada de outras empresas dificilmente ocorre, pois existem imensas barreiras. Assim, os lucros destas empresas permanecem a longo prazo.
A forma de actuação das...
tracking img