Economista1

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 30 (7340 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Aborto
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nota: Para outros significados, vejaAborto (desambiguação)
Um aborto ou interrupção da gravidez(ver terminologia) é a remoção ou expulsão prematura de um embrião ou feto do útero, resultando na sua morte ou sendo por esta causada.[1] Isto pode ocorrer de forma espontânea ou induzida, provocando-se o fim da gestação,e consequente fim da atividade biológica do embrião ou feto, mediante uso de medicamentos ou realização de cirurgias. O aborto vem sendo provocado por vários métodos diferentes e seus aspectos morais, éticos, legais e religiosos são objeto de intenso debate em diversas partes do mundo.
Após seis meses de gestação, quando o feto já é considerado viável, o processo tem a designação médica de partoprematuro.[2] A terminologia aborto, entretanto, pode continuar a ser utilizada em geral, quando refere-se à indução da morte do feto.
Índice[esconder] * 1 Terminologia * 2 Definições * 2.1 Aborto induzido * 3 Efeitos do aborto induzido * 3.1 Câncer da mama * 3.2 Dor do feto * 3.3 Síndrome pós-abortivo * 3.4 Mulheres grávidas vítimas de violência * 3.5Consequências a longo prazo para a criança não desejada * 3.6 Consequências para a sociedade * 3.6.1 Consequências positivas * 3.6.2 Consequências negativas * 4 Procedimentos empregados para o aborto induzido * 4.1 Nos três primeiros meses da gestação * 4.2 Após os três primeiros meses da gestação * 4.3 Aborto por ECI * 5 Legislação * 6 Meios de comunicação *7 Organização Mundial de Saúde * 8 Ver também * 9 Referências * 10 Bibliografia * 11 Ligações externas |
[editar] Terminologia
A palavra aborto tem sua origem num barco etimológica no latim abortacus, derivado de aboriri ("perecer"), composto de ab ("distanciamento", "a partir de") e oriri ("nascer").
[editar] Definições
|
Este artigo é parte da série sobre
Gravidez |
Medicina |Gravidez na adolescência
Obstetrícia | Neonatologia |
Gestação e Exames |
Aborto | Contração | Pré-natal
Ultrasom | Amniocentese |
Parto e Pós-parto |
Extrações a vácuo e Fórceps
Cesariana | Feto | Aleitamento |
Problemas relativos ao Feto |
Eritroblastose fetal | Trissomia
Anencefalia |
Inseminação Artificial |
Intrauterina |
Ver também |
Série Sexo |
Os seguintestermos são usados para definir os diversos tipos de aborto a partir da óptica médica:
* Aborto espontâneo: aborto devido a uma ocorrência acidental ou natural. A maioria abortamentos espontâneos são causados por uma incorreta replicação dos cromossomos e por fatores ambientais. Também por ser denominado aborto involuntário ou casual.
* Aborto induzido: aborto causado por uma ação humanadeliberada. Também é denominado aborto voluntário ou procurado, ou ainda, interrupção voluntária da gravidez. O aborto induzido possui as seguintes subcategorias:
* Aborto terapêutico
* aborto provocado para salvar a vida da gestante[3]
* para preservar a saúde física ou mental da mulher[3]
* para dar fim à gestação que resultaria numa criança com problemascongênitos que seriam fatais ou associados com enfermidades graves[3]
* para reduzir seletivamente o número de fetos para diminuir a possibilidade de riscos associados a gravidezes múltiplas.[3]
* Aborto eletivo: aborto provocado por qualquer outra motivação.[3]
Quanto ao tempo de duração da gestação
* Aborto subclínico: abortamento que acontece antes de quatro semanas de gestação* Aborto precoce: entre quatro e doze semanas
* Aborto tardio: após doze semanas
[editar] Aborto induzido
O aborto induzido, também denominado aborto provocado ou interrupção voluntária da gravidez, ocorre pela ingestão de medicamentos ou por métodos mecânicos. A ética deste tipo de abortamento é fortemente contestada em muitos países do mundo mas é reconhecida como uma prática legal em...
tracking img