Economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (281 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A estratégia recomendada pelos profissionais tendo em vista a queda dos juros e o resfriamento do ritmo da economia.

Tendo em vista as mudanças de quadro nasúltimas semanas, especialistas recomendam para o que resta de 2011: redobrar o cuidado com as ações, apostar nos investimentos vinculados a inflação e evitar as tentações docambio.
No Brasil, a forte oscilação cambial ainda não contaminou a economia. Segundo o gestor de recursos Alexandre Pávoa, “o cenário para o investidor está radicalmentediferente”. No fim de julho, a pesquisa Focus, realizada pelo Banco Central (BC) junto a uma centena de bancos, indicava que o mercado financeiro previa juros de 12,50% navirada de 2011 para 2012. No levantamento mais recente, recuou-se para 11%. As estimativas para o crescimento dos juros e da economia brasileira no ano de 2011 recuaram de 3,95 emjulho para 3,52% em setembro, o equivalente a R$ 16 bilhões a menos em bens e serviços produzidos.
Como o comportamento dos juros e da economia real são as variáveismais importantes na tomada de decisão de qualquer investidor, profissionais de mercado recomendam aumentar a proteção contra a inflação e até ganhar com ela, investindo nostítulos públicos corrigidos pelo IPCA. Os especialistas também recomendam não descartar as ações, apesar delas estarem amargando quedas sucessivas, pois segundo Marco AurélioBarbosa, analista-chefe da Coinvalores, a baixa da bolsa pode trazer ações com preços muito baixos. Dão ênfase também que o investidor deve evitar cair na tentação do dólar, poisaté o dia 21 de setembro, a moeda americana no mercado à vista registrava uma valorização de 15,2%. No entanto, eles não esperam que essa alta se sustente nos próximos meses.
tracking img